Paulistão: Em confrontos, Palmeiras leva ligeira vantagem sobre Mirassol

O time do interior conquistou a maior vitória em 2013, quando aplicou goleada por 6 a 2

por Oscar Silva

Mirassol, SP, 06 (AFI) - Desde que subiu para a elite do futebol paulista acesso conquistado em 2007, Mirassol e Palmeiras, que vão se enfrentar no próximo sábado, ás 16h45, em Mirassol, no estádio José Maria de Campos Maia, o Maião, pela décima rodada, já se enfrentaram na história nove vezes.

O Verdão leva ligeira vantagem. São cinco vitórias do time comandado pelo técnico Felipão, dois empates e duas vitórias do Leão da Araraquarense. O Alviverde marcou em quinze oportunidades, enquanto a defesa palmeirense sofreu treze tentos.

O primeiro confronto aconteceu no dia 26 de janeiro de 2008, na Arena Barueri e deu empate 2 a 2. A maior façanha do quadro mirassolense foi a goleada imposta pelo placar de 6 a 2, no dia 27 de março de 2013, no Maião. Na oportunidade, o técnico era Ivan Baitello (Foto), hoje gerente geral do time leolino.

Em 2009, o Mirassol foi derrotado por 3 a 2, em casa. Um ano depois em São Paulo, aconteceu empate 1 a 1. Em 2011, duas vitórias do Palmeiras. 1 a 0, em Mirassol e 2 a 1, em São Paulo.

Em 2012, o Verdão foi surpreendido em casa e perdeu por 1 a 0. Nos últimos dois anos foram dois triunfos palmeirense. 2 a 0, em São Paulo e repetiu o mesmo placar em Mirassol.

No Maião, foram disputados quatro jogos com três vitórias palmeirense e um réves. Na classificação atual, o Mirassol soma oito pontos em vinte e sete disputados e é o 13º colocado no geral. Atrás vem o São Bento e Botafogo com quatro e São Caetano com sete. Vale ressaltar que os dois últimos colocados independente de grupo serão rebaixados para a Série A2, em 2020. O Palmeiras, no geral é o terceiro colocado com 18 pontos