Palmeiras x Bragantino - Massa Bruta quer surpreender o Verdão no pós-clássico

Com apenas uma derrota, o time do técnico Marcelo Veiga está bem na briga pela classificação no Grupo B, com oito pontos.

por Agência Futebol Interior

Bragança Paulista, SP, 10 (AFI) - Acostumado a um padrão de jogo que tem a organização defensiva como ponto forte, o Bragantino espera colocar o estilo em prática mais uma vez, agora em duelo contra o Palmeiras, às 20 horas desta segunda-feira, no Pacaembu, pela sexta rodada do Paulistão. Com apenas uma derrota, o time do técnico Marcelo Veiga está bem na briga pela classificação no Grupo B, com oito pontos.

O Palmeiras, por sua vez, vem de uma grande frustração após a derrota por 1 a 0 no clássico contra o Corinthians, resultado que derrubou a invencibilidade alviverde. Com dez pontos, o time paulistano busca se reabilitar o quanto antes para não correr o risco de se complicar na reta final do estadual.

BAIXAS
Para a partida, a única certeza é de que Felipão não vai poder contar com o atacante Deyverson, que terá de cumprir suspensão automática após ser expulso no clássico. Outra baixa certa é a do atacante Willian Bigode, que segue em tratamento de uma cirurgia no joelho. Ele segue com a expectativa de voltar aos gramados somente no segundo semestre do ano.

Já o reforço Ricardo Goulart, que também passou por procedimento cirúrgico recentemente, participou normalmente no treino técnico com bola, ao lado dos companheiros. Apresentado na quarta-feira, ele ainda não tem data certa para fazer a sua estreia pelo Palmeiras.

Foto: Rafael Moreira / CA Bragantino
Foto: Rafael Moreira / CA Bragantino
QUAL VAI SER?
Apesar da filosofia que preza pela solidez defensiva, a equipe de Bragança Paulista sabe por experiência própria que é preciso cuidado redobrado diante de um dos grandes do Estado. Quando enfrentou o Santos, por exemplo, perdeu por 4 a 1. Nos outros jogos, no entanto, a defesa funcionou, já que a equipe sofreu seis gols em cinco jogos, mas quatro deles foram marcados pelos santistas.

“É um resultado que dificilmente acontecerá de novo. Lógico que tem a qualidade do adversário, mas dificilmente acontecerá outra vez. Contra o Palmeiras, temos que estar bem concentrados para fazer um grande jogo”, comentou Veiga.

A postura que será adotada contra o Palmeiras não deve estar relacionada a uma grande mudança tática, até porque após a derrota para o Santos veio uma vitória por 2 a 1 sobre a Ponte Preta. O meia Vitinho e os volante Adenílson e Jonathan Costa seguem no departamento médico. O lateral-direito Itaqui, que chegou a ser dúvida durante a semana, foi liberado e vai para o jogo.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
6ª rodada
Data
11/02/2019
Horário
20h00
Local
Pacaembu - São Paulo (SP)
Árbitro
Vinicius Furlan

Renda
R$ 554.857,50.
Assistentes
Vitor Carmona Metestaine e Gustavo Rodrigues de Oliveira

Público
20.144 pagantes.
Cartões Amarelos
Palmeiras: Antônio Carlos
Bragantino: Lázaro, Klauber, Magno, Itaqui

Gols
Palmeiras: Dudu 7' 1T, Gustavo Scarpa 28' 1T
Palmeiras
Fernando Prass;
Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís;
Thiago Santos, Moisés (Bruno Henrique) e Gustavo Scarpa (Lucas Lima);
Dudu (Carlos Eduardo), Felipe Pires e Borja.
Técnico: Felipão
Bragantino
Alex Alves;
Itaqui (Buiú), Lázaro, Junior Goiano e Léo Rigo;
Klauber (Renan Paulino), Adriano Paulista (Jeferson Galego), Magno e Rafael Chorão;
Matheus Peixoto e Wesley
Técnico: Marcelo Veiga