Palmeiras x Linense - Verdão fará mais uma vítima no Paulistão?

O time de Roger Machado é o único que venceu todos os jogos até o momento

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 14 (AFI) – Único time com 100% de aproveitamento no Campeonato Paulista, o Palmeiras entra em campo nesta quinta-feira, às 21h, no Allianz Parque, para enfrentar o Linense, que aparece em situação delicada na tabela de classificação. O duelo é válido pela sétima rodada.

Sob o comando de Roger Machado, o Palmeiras reencontrou o bom futebol e tem passado com uma certa facilidade por seus adversários. Na liderança isolada, soma 18 pontos, muito perto da classificação. O seu grupo também é formado por São Bento, Novorizontino e Ferroviária.

Já o Linense vem de quatro tropeços seguidos, números que o fizeram entrar na zona de rebaixamento. O time soma apenas quatro pontos, com uma vitória em seis jogos disputados, diante da Ponte Preta por 1 a 0. O Grupo A ainda tem Corinthians, Bragantino e Ituano.

OLHO NO ELEFANTE!
O técnico Marcio Fernandes optou pelo mistério e não divulgou o time que levará em campo contra o Palmeiras. O treinador não poderá contar com Ytalo, que não defenderá mais o Linense no Paulistão por conta de uma lesão. Já Kauê pertence ao time de Palestra Itália e, no empréstimo, ficou acordado que não jogaria contra sua ex-equipe.

Com isso, o treinador foi obrigado a fazer algumas mudanças para esta quinta-feira. Berguinho, que chegou a entrar diante do São Bento, segue entre os 11. A outra novidade é a presença de Thiago Humberto no setor de meio de campo. Já ataque será formado por Wilson e Giovani.

“O Palmeiras é o time a ser batido neste Paulistão. Jogar no Palestra nunca é fácil e não será diferente. Eles (jogadores) estão fazendo um grande trabalho sob o comando do Roger Machado, mas temos que mostrar o nosso valor e encarar essa partida de igual para igual. Tenho certeza que temos condições de sair com um grande resultado”, falou o treinador.

Palmeiras vai em busca de mais uma vitória no Paulistão
Palmeiras vai em busca de mais uma vitória no Paulistão
VERDÃO 100%
A classificação encaminhada do Palmeiras para as quartas de final do Campeonato Paulista e a boa campanha da equipe no início da temporada já fazem o técnico Roger Machado analisar a possibilidade de realizar testes entre os titulares. Entre os jogadores pouco utilizados que podem ter chances nas próximas rodadas estão o meia Guerra e o atacante Artur, alvo de elogios recentes do treinador.

O venezuelano recebeu elogios de Roger pela possibilidade de atuar como atacante centralizado. Se for acionado nesse papel, Guerra seria o chamado "falso 9" e teria a função de dar mais mobilidade ao setor. Para o técnico, o meia seria importante pela velocidade, deslocamento e abertura de espaços quando o time precisar dessas características.

O treinador considera que esses atributos dão força ao elenco por variar o estilo e serem armas importantes para se mudar o panorama de um jogo. Nesta temporada, Guerra atuou somente duas vezes, ambas como reserva. Porém, tem se destacado nos treinos e teve boa atuação no jogo-treino da última semana contra o São Bernardo, na Academia de Futebol.

“Com a repetição, você ganha alguns aspectos. É importante para o início de trabalho, e mostrou-se acertada a decisão de manter uma base. Alcançado os 18 pontos na metade da competição nesta primeira fase, penso sim em fazer observações, mas não alterando o sentido coletivo que conquistamos. Uma ou duas alterações pontuais que não desestruturarão a equipe. Podemos encontrar outros casamentos de características e manter todos motivados”, falou o treinador.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
7ª rodada
Data
15/02/2018
Horário
21h00
Local
Allianz Arena - São Paulo (SP)
Árbitro
Lucas Canetto Bellote

Renda
R$ 1.435.029,10
Assistentes
Fabio Rogerio Baesteiro e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo

Público
25.712 torcedores
Cartões Amarelos
Palmeiras: Felipe Melo, Borja
Linense: Marcão Silva

Gols
Palmeiras: Borja 3' 1T, Borja 6' 2T
Linense: Adalberto 43' 1T, Murilo 30' 2T
Palmeiras
Jaílson;
Marcos Rocha, Thiago Martins, Antônio Carlos e Michel Bastos; Felipe Melo, Tchê Tchê, Lucas Lima (Keno) e Guerra (Gustavo Scarpa);
Dudu (Willian) e Borja
Técnico: Roger Machado
Linense
Victor Golas;
Reginaldo, Leandro Silva, Adalberto e Fernandinho (Berguinho);
Bileu, Marcão Silva, Eduardo e Murilo (Kadu);
Wilson e Danielzinho (Giovanni)
Técnico: Marcio Fernandes