Botafogo 3 x 1 Sertãozinho - Bota mantém sonho do G4 e Touro cai

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 28 (AFI) - O Botafogo segue com chances de classificação às semifinais do Campeonato Paulista. Na noite deste domingo o clube bateu o Sertãozinho, por 3 a 1, em Ribeirão Preto, pela 17ª rodada da competição. Ademir Sopa e André Neles (duas vezes) marcaram para o time da casa, e Mendes fez para os visitantes.

A vitória deixa o Botafogo na sétima colocação com 28 pontos e ainda com chances de classificação à semifinal. O Sertãozinho, por sua vez, segue na lanterna com 11 pontos e teve seu rebaixamento decretado matematicamente. Isto porque o clube está a seis pontos do Paulista, o primeiro time fora da zona da degola. Mas mesmo se empatar em pontos com o time de Jundiaí fica atrás pelo número de vitórias.

Pantera começa melhor e Touro equilibraenquanto o Sertãozinho se fechava para explorar o contra-ataque. Mas aproveitando a fragilidade do adversário, o Pantera saiu na
O jogo começou com as duas equipes se estudando. Ainda sonhando com a semifinal, o Botafogo tomava a iniciativa no jogo, frente aos oito minutos. Adriano passou pelo marcador, foi derrubado dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Ademir Sopa foi para a cobrança e mandou para o fundo das redes.

O gol deu tranquilidade para o time de Ribeirão Preto e obrigou o Sertãozinho a sair de trás em busca do empate, uma vez que a derrota decretava seu rebaixamento matematicamente. Aos 16 minutos o Botafogo perdeu uma chance incrível de marcar. Andrezinho fez boa jogada pela esquerda e cruzou para William, que de frente para o gol bateu por cima.

O Touro dos Canaviais tentava chegar ao gol de empate, mas muito limitado tecnicamente, não conseguia levar perigo ao gol de Wéverton. Aos 31 minutos o Botafogo quase ampliou numa bomba de Augusto Recife do bico da grande área, ma a bola foi para fora, com muito perigo.

O troco do Sertãozinho foi imediato e por muito pouco os visitantes não chegaram ao empate. Rodriguinho bateu para o gol, a bola passou pela goleiro Weverton e a bola ia entrando, mas o zagueiro Cleiton tirou praticamente em cima da linha. Pouco depois Marcus Vinicius foi derrubado dentro da área e o árbitro apontou a marca da cal. Mendes cobrou com direito a paradinha, e deixou tudo igual em Ribeirão Preto. No final o Touro ainda pressionou e poderia ter virado o placar.

Fogão volta a mandar duas alterações, colocando Xuxa e André Neles nos lugares de Ademir Sopa, machucado, e Willian. O Pantera quase voltou a ficar
No segundo tempo o Botafogo voltou mais aceso e pressionou o Sertãozinho nos primeiros minutos. O técnico José Galli Neto fez na frente aos dez minutos. João Henrique cobrou escanteio, Leandro Amaro desviou de cabeça e Rodrigo Pontes perdeu o gol quase embaixo da trave.

No minuto seguinte o time da casa perdeu outro gol feito. Xuxa abriu para Andreiznho na esquerda, o lateral cruzou para a área e a bola passou por três atacantes botafoguenses, que não conseguiram concluir. Aos 17 minutos, Rodrigo se embolou com Adriano dentro da área e o árbitro marcou pênalti para o Fogão, o terceiro do jogo. André Neles foi para a cobrança e colocou o clube na frente novamente. No lance Rodrigo foi expulso e deixou os visitantes com dez em campo.

Mesmo na frente do placar o Botafogo não esmoreceu e seguiu atacante. Apos 26 minutos, Jonas cobrou falta com pefeição e o goleiro Gilberto colocou para escanteio, salvando o Sertãozinho de sofrer o terceiro. No fim o Pantera ainda fez mais um aos 45 minutos, novamente com André Neles, que aproveitou bate e rebate dentro da área e mandou para as redes.

Próximos jogoscontra o Monte Azul, em casa. Já o Sertãozinho pega o Paulista, no próximo domingo, em casa, e se despede contra o Santos, na Vila
Nas duas últimas rodadas do Paulistão o Botafogo enfrenta o São Paulo no próximo domingo, no Morumbi, e na última rodada joga Belmiro.

Ficha Técnica

Botafogo 3 x 1 Sertãozinho

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto
Público: 2.144 pagantes
Renda: R$ 40.351,00
Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho
Cartões amarelos: Pablo, Rodrigo, Alex Maranhão, Everton (Sertãozinho); Willian, João Henrique, Cleiton, Malaquias (Botafogo)
Cartão vermelho: Rodrigo (Sertãozinho)
Gols: Ademir Sopa, aos 11'/1T, André Neles, aos 18'/2T e 45'/2T (Botafogo); Mendes, aos 36'/1T (Sertãozinho)

Botafogo
Willian (André Neles) e Adriano (Malaquias).
Técnico: José Galli NetoWéverton; Jonas, Cleiton, Leandro Amaro e Andrezinho; Augusto Recife, Rodrigo Pontes, Ademir Sopa (Xuxa) e João Henrique;

Sertãozinho
Gilberto; Rafael Mineiro, Pablo, Rodrigo e João Paulo; Éverton, Alex Maranhão (Fred), Marcus Vinícius e Rodriguinho; Thiago Silvy (Léo Mineiro) e Mendes.
Técnico: Paulo Comelli