Segundona: Por classificação, Osvaldo Cruz se apoia em tabu contra Assisense

O Azulão precisa apenas de suas próprias forças para avançar à próxima fase

por Luiz Carlos Éden

Sorocaba, SP, 18 (AFI) - O Osvaldo Cruz encara o Assisense na tarde desta quarta feira (18/11), às 15 horas, no Estádio Antônio Viana da Silva, o Tonicão, na cidade de Assis, pela décima e última rodada primeira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o quarto patamar estadual. O Azulão folgou na rodada anterior, enquanto que o adversário perdeu o clássico de Assis com o Vocem por 2 a 0

No primeiro turno da competição atual, em 31 de outubro, com gols de Lukaku e Hiago, o OCFC venceu o Assisense por 2 a 0, no Estádio Breno Ribeiro do Val, o Brenão, na cidade de Osvaldo Cruz, pela quinta rodada. Naquela oportunidade, o Azulão fechava o turno como líder da chave com nove pontos, com três vitórias em quatro jogos. Desde então, a equipe não venceu mais, um empate e duas derrotas seguidas.

Por classificação, Osvaldo Cruz se apoia em tabu contra Assisense
Por classificação, Osvaldo Cruz se apoia em tabu contra Assisense
Sem vencer há três jogos, o Azulão agora é o terceiro colocado do Grupo 2, com 10 pontos, dois atrás do vice-líder Vocem. Já classificado o Grêmio Prudente lidera a chave com 18 pontos ganhos e folga na rodada. Já eliminados e apenas cumprem tabela, o Tupã FC é o quinto com oito pontos e o Assisense segura a lanterna, com apenas um ponto ganho.

Mesmo assim, o Osvaldo Cruz precisa apenas de suas próprias forças para avançar à próxima fase. A equipe osvaldo-cruzense poderá classificar como segundo colocado da chave, caso vença o Assisense e o Vocem tropece, fora de casa, diante do Tupã FC. Mas também poderá avançar por índice técnico, ou seja como um dos dois melhores terceiros colocados no geral.

Lembrando que conforme regulamento, somente dois melhores terceiros colocados entre os sete grupos, avançam para os mata-matas eliminatórios. Sendo assim, só resta uma vaga por índice técnico, já que o SKA Brasil, como terceiro colocado do Grupo 7, com 13 pontos e quatro vitórias, já garantiu uma delas.

RETROSPECTO E TABU
Rivais desde 2004, Osvaldo Cruz Futebol Clube e Clube Atlético Assisense se enfrentaram por competições oficiais 19 vezes, com retrospecto favorável ao Alviceleste de Assis. Foram nove vitórias do Falcão do Vale, contra seis do Azulão e quatro empates.

Porém, o OCFC não perde para o Assisense há quatro anos. A última derrota foi por 2 a 1, no Tonicão, em Assis, pela Segundona de 2016. De lá pra cá, foram quatro vitórias e um empate em mais cinco confrontos, marcou nove gols e não sofreu nenhum.