Jabaquara 0 x 1 Itararé - Caçula repete placar da ida e vai às quartas de final

Visitantes abriram placar no fim do primeiro tempo e administraram vantagem na etapa complementar

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 25 (AFI) - O Itararé repetiu o placar da ida e venceu o Jabaquara por 1 a 0 nesta quarta-feira, no estádio Espanha, pela partida de volta das oitavas de final do Campeonato Paulista da Segunda Divisão Sub-23.

Com o resultado, a Caçula avançou às quartas de final da competição estadual e encara o Manthiqueira, com o primeiro jogo em sua casa e a volta na casa do adversário. Os confrontos estão previstos para acontecer em 28 de novembro e 2 de dezembro, mas serão confirmados pela Federação Paulista de Futebol.

O JOGO

A partida começou equilibrada, sem chances claras de gol nos minutos inicias. No entanto, a partir metade do primeiro tempo, o Itararé começou a melhorar e passou a ser superior em campo. Aos 47', Pequeno foi lançado, o zagueiro do Jabaquara tropeçou, o meia tentou encobrir o goleiro no primeiro lance e a bola voltou para ele só empurrar para o gol aberto.

Foto: Dido Henrique
Foto: Dido Henrique

Na etapa final, o Jabaquara passou a se arriscar mais e, precisando do resultado, partiu para o ataque. A pressa pelo gol, no entanto, fez com que o time errasse muitos passes. Os mandantes chegaram a criar algumas boas chances de gol, mas nada suficiente para alterar o placar.

Ficha Técnica

Fase
Oitavas de Final
Rodada
2ª rodada
Data
25/11/2020
Horário
15h00
Local
Espanha - Santos ()
Árbitro
Vinicius Gonçalves Dias Araujo

Assistentes
William Trufelli Malaquias e Ricardo Luis Buzzi

Cartões Amarelos
Jabaquara: Souza, Henrique, Rael
Itararé: Diego

Gols
Itararé: Pequeno 46' 1T
Jabaquara
Marcelo;
Gustavo (Raphinha), Rael, Henrique e Souza (Biel);
Juninho, Darlyson e Luan (Hugo);
Alemão (Netinho), Matheus e Paquetá (Murilo).
Técnico: Euzebio Gonçalves
Itararé
Lucas;
Bruno Van Dal, Vinicius Matheus, Tubarão e Daniel;
Diego, Marcelo Santos (Janiel) e João Felipe (Guga);
Felipe, Rodrigo Pelé (Vinicius de Paula) e Pequeno (Pedro Renato).
Técnico: Rodrigo Casa Grande