Paulista 3 x 3 Marilia – No final, Galo conquista o título e faz a festa em Jundiaí

Zagueiro João Paulo marcou aos 43 minutos dos egundo tempo e Galo é campeão

por Agência Futebol Interior

Jundiai, 02 (AFI) – O torcedor do Paulista soltou o grito de “É campeão” oito anos depois. Neste sábado, o Paulista empatou em 3 a 3 com o Marília no estádio Jayme Cintra e conquistou o título do Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

O gol do título saiu aos 43 minutos do segundo tempo com o zagueiro João Paulo, autor de dois gols no jogo deste sábado e fez a festa dos 7895 torcedores que compareceram ao estádio Jayme Cintra.

O primeiro jogo da decisão, em Marília, terminou empatado em 0 a 0. O Paulista, por ter feito melhor campanha na temporada, teve a vantagem de jogar por um novo empate neste sábado para ser campeão.

Paulista e Marília conquistaram o acesso à Série A3 em 2020 e o título da Segundona do Campeonato Paulista – equivalente à quarta divisão do estadual – foi um prêmio após uma grande campanha do Paulista.

No final, Galo conquista o título e faz a festa em Jundiaí
No final, Galo conquista o título e faz a festa em Jundiaí
O Galo fez a melhor campanha do campeonato. Ao todo, foram 30 jogos, com 19 vitórias, oito empates e três derrotas. Nos 15 jogos em casa, a equipe perdeu apenas uma vez. Foram 11 vitórias e três empates. O time tem o melhor ataque da competição, com 66 gols

O último título havia sido conquistado em 2011, quando o Galo faturou a Copa Paulista naquele ano.

GOLS DE CABEÇA
O Paulista chegou pela primeira vez aos onze minutos. Gabriel Terra tabelou com Nenê, livrou o marcador e bateu de fora da área por cima do gol. O Galo abriu o marcador dois minutos depois. Pedro Demarchi bateu escanteio pela esquerda e o zagueiro João Paulo subiu para marcar seu sexto gol no campeonato.

Após o gol, o Marília procurou pressionar o Paulista, que apostava no contra-ataque. Aos 22, Yan em cobrança de falta quase ampliou para o Paulista.

O Marília chegou ao empate em um lance semelhante do Galo. Aos 25, Lucas Praxedes bateu falta na área e Bruno, sozinho, tocou de cabeça, sem chance para Mateus Lopes.

Pedro Demarchi, aos 36, quase fez o segundo do Paulista. Após confusão na área, o meia chutou buscando o ângulo esquerdo de Geilson e acertou o travessão.

ETAPA FINAL
O Marília voltou do intervalo disposto a ficar com o título e pressionou o Paulista. Antes dos cinco minutos, o Marília já tinha criado duas boas chances de gol.

Quando chegou pela primeira vez, o Paulista fez o segundo. Jeferson cruzou pela direita e Matheus Morais mandou de cabeça para o gol.

O Marília não se assustou com o gol e buscou o empate aos 15 minutos também de cabeça, com Breno, que encobriu Matheus Lopes.

O Marília chegou ao terceiro aos 27. Após contra-ataque veloz, Dener tabelou com Mikaell e invadiu a área, para tocar na saída do goleiro.

Melhor em campo, o MAC teve a chance de marcar o quarto aos 33, mas Mateus Chiclete desperdiçou.

No final veio o castigo. No cruzamento da esquerda, João Paulo marcou seu segundo no jogo de cabeça e garantiu o título do Paulista. Foi o sétimo gol do zagueiro na competição.

Ficha Técnica

Fase
Final
Rodada
2ª rodada
Data
02/11/2019
Horário
16h00
Local
Jaime Cintra - Jundiaí (SP)
Árbitro
Douglas Marques das Flores

Renda
R$ 126.260, 00
Assistentes
Gustavo Rodrigues de Oliveira e Evandro de Melo Lima

Público
7895
Cartões Amarelos
Paulista: Gabriel, Mingoti, João Paulo
Marília: Erick Bessa

Cartões Vermelhos
Marília: Mikael, Rafael
Gols
Paulista: João Paulo 14' 1T, Matheus Morais 7' 2T, João Paulo 43' 2T
Marília: Bruno 25' 1T, Breno 15' 2T, Dener 27' 2T
Paulista
Matheus Lopes;
Victor Emerson, João Paulo, Mingotti e Yan;
Pedro Demarchi (Carlinhos) e Gabriel Terra, Matheus Morais (Kawn) e Jeferson;
Edinan (Felipe Lavrador) e Nenê
Técnico: Edson Fio
Marília
Geílson;
Mateus Mima, Raphael, Bruno e Lucas Praxedes;
Hebert, Mykaell, Ícaro e Erik Bessa (Mateus Chiclete);
Breno (Dener) e Lucas Lima
Técnico: Ricardo Costa