Segundona: Em jogo emocionante no Martins Pereira, Flamengo vence Joseense

O Paulista lidera o Grupo 4 com 23 pontos, um à frente de São José e Guarulhos; o trio forma o G3 da chave

por Agência Futebol Interior

São José dos Campos, SP, 11 (AFI) - Na manhã de sábado, a equipe do Flamengo pegou a estrada e foi até a cidade de São José dos Campos encarar o Atlético Joseense, no estádio Martins Pereira, pela 10ª rodada do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. O Corvo sofreu, mas, na raça, conseguiu a vitória por 3 a 2.

Agora, o Paulista lidera o Grupo 4 com 23 pontos, um à frente de São José e Guarulhos. O Flamengo aparece na quarta colocação com 19, sete a mais do que o Amparo, quinto. O Joseense ocupa a sexta posição com nove, o mesmo do União Mogi. Lanterna, o Atlético Mogi ainda sequer conseguiu um empate.

Segundona: Em jogo emocionante no Martins Pereira, Flamengo vence Joseense
Segundona: Em jogo emocionante no Martins Pereira, Flamengo vence Joseense

O JOGO!
O Flamengo começou bem a partida, dominando as principais ações, o Corvo tinha a bola sob controle, aos 11 minutos em escanteio cobrado por João Victor, Brendo e Vinícius Bebê subiram juntos, quem cabeceou eu não sei, só sei que o Corvo abriu o placar - após o jogo, o árbitro deu gol para Brendo, camisa 4 do Flamengo.

Após o gol, o jogo ficou muito truncado, porém, com mais uma boa chance, o Corvo quase aumentou, em chute cruzado para o meio da área, Mateus Lima tentou encontrar Luan, a marcação travou e a bola sobrou para o goleiro. Aos 39 minutos, Bruno de Paula (JOS) recebeu a bola na entrada da área e bateu, a bola desviou no meio do caminho e enganou o goleiro Herilan, empatando o jogo no Martins Pereira.

Na segunda etapa, o técnico Marcelo Marelli promoveu a entrada de Juliano no lugar de Bruninho, o time ganhou mais velocidade pelas pontas e chegava mais vezes na área adversário. Eis que aos 20 minutos, começa a surgir a estrela de Zé Gatinha.

No segundo gol do Corvo, o atacante recebeu a bola no meio do campo e foi levando, driblando quatro jogadores do Joseense, o camisa 7 saiu cara a cara com o goleiro e não teve dó, fuzilou a meta do time do Vale do Paraíba. Foi o primeiro gol do atacante com a camisa do Corvo que pouco pode comemorar, aos 23 minutos, após cruzamento na área rubro-negra Guilherme Cururu empatou novamente para o Joseense.

O jogo ficou nervoso, com ataques para os dois lados, muitas chances desperdiçadas. Aos 35 minutos, após pressão na saída de bola, Daniel roubou a bola, invadiu a área, saiu cara a cara com o goleiro que fez grande defesa, no rebote, a bola caiu no pé de Luan, que tirou da marcação e enfiou o pé na bola e mandou bola, zagueiro, goleiro tudo pro fundo da rede, mais uma vez o Corvo na frente.

A equipe do Joseense partiu pro tudo ou nada e o Corvo teve o contra-ataque, perdendo uma boa chance com Juliano e outra com Luan. No último lance, a equipe de São José dos Campos mandou a bola no travessão, após cabeçada do atacante Felipe Lobo.

 
 
" />