São Paulo busca empate com Santos e é campeão Sub-17

O Peixe esteve a minutos de ficar a taça, mas acabou levando o gol no final

por Agência Futebol Interior

Cotia, SP, 28 (AFI) - O São Paulo é campeão do Campeonato Paulista Sub-17. O Santos, que esteve em três finais das categorias de base, acabou ficando sem nenhuma taça. No Sub-17, o Tricolor levou o título ao buscar um empate, por 1 a 1, diante do Peixe na manhã deste domingo, em partida realizada no CT de Cotia.

O Tricolor jogou com o regulamento debaixo do braço. Após segurar um 2 a 2 na Vila Belmiro, a equipe da Capital Paulista não teve pressa, segurou o adversário e ainda mostrou ter muito poder de reação por buscar o empate, quando tudo parecia perdido. O gol do título foi marcado por Kiefer. Bruno Soares fez para o Santos.

No Sub-15, o Santos acabou sendo superado pelo Osasco Audax, ao perder, em plena Vila Belmiro, por 1 a 0. Já no Sub-20, o campeão foi o Corinthians, que já havia encaminhado o título na própria casa santista, quando venceu por 4 a 0.

NADA DE GOLS!
O São Paulo "cozinhou" o Santos no primeiro tempo da decisão do Campeonato Paulista Sub-17. Com a vantagem do empate e jogando ao lado de seus torcedores, o Tricolor Paulista truncou o meio de campo e optou por jogar nos contra-ataques. Pior para o Peixe, que sofreu para ameaçar o gol defendido por Dênis. O clube do Morumbi, inclusive, criou as melhores jogadas de gol.

São Paulo é campeão Paulista Sub 17
São Paulo é campeão Paulista Sub 17

Logo aos dois minutos, Igor apareceu como elemento surpresa na área, mas cabeceou rente à trave. Pedro Oliveira também arriscou, na sequência, mas chutou para fora. Paulinho, por sua vez, parou no goleiro Renan. O Santos tentava sair com Nicolas, porém, encontrou uma defesa bem postada do adversário.

A pressão era toda em cima dos santistas. Mais cedo, os garotos do Sub-15 perderam para o Osasco Audax e ficaram com o vice, fator que pesou nesses primeiros 40 minutos.

POR POUCO, PEIXE!
O jogo ficou mais pegado no segundo tempo, porém, ganhou em emoção. O São Paulo saiu para a pressão, mas seguiu pecando nas finalizações. Aos 15 minutos, Militão chutou nas redes, pelo lado de fora. Guilherme, por cima do gol. O Tricolor tinha a posse de bola e não deixava o Santos contragolpear.

O Peixe foi acordar apenas aos 21 minutos. Bruno Soares fez fila na defesa adversária e mandou para fora. Dois minutos depois, o Santos chegou a abrir o marcador, porém, o árbitro assinalou impedimento e acabou com a festa alvinegra.

O São Paulo respondeu, mas desperdiçou uma chance inacreditável. Paulinho recebeu, livre de marcação, dentro da área, mas acabou chutando em cima do goleiro Renan. O Santos foi para cima e abriu o marcador. Aos 36 minutos, Nicolas foi derrubado dentro da área pelo goleiro Dênis, penalidade máxima. Na cobrança, Bruno Soares deixou o Peixe com a mão na taça.

O Alvinegro, porém, não conseguiu segurar muito. Aos 39 minutos, o São Paulo foi fulminante. Renan saiu errado e deixou a bola viva nos pés do atacante Kiefer, que só empurrou para o fundo das redes.

Ficha Técnica

Fase
Final
Rodada
2ª rodada
Data
28/11/2015
Horário
10h45
Local
Estádio Laudo Natel - Cotia (SP)
Árbitro
Rodrigo Pires de Oliveira

Assistentes
Leonardo Tadeu Pedro e Enderson Emanoel Turbiani da Silva

Gols
São Paulo: Kiefer 39' 2T
Santos: Bruno Soares 36' 2T
São Paulo
Dênis;
Mateus Viveiros, Igor Morais, Eder Militão e Bruno Dip;
Luiz Gustavo, Eduardo (Rodrigo), Matheus Frizzo e Pedro Oliveira (Augusto);
Paulo Henrique e Guilherme Bissoli.
Técnico: Orlando Ribeiro.
Santos
Renan;
Ynaiã, Fernando Zanon, Matheus Guedes e Garagau;
Guilherme, Alexandre, Daniel (Vinícius Veneranda) e Giovane (Tailson); Marquinhos (Nicolas) e Bruno.
Técnico: Aarão Alves.
 
 
" />