Segundona: Paulista é julgado e terá que pagar multa por invasão de campo em Amparo

O Galo do Japí foi condenato pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Estádio de São Paulo a pagar uma multa de R$ 500

por Agência Futebol Interior

Jundiaí, SP, 02 (AFI) - Após ser citado, o Paulista de Jundiaí foi julgado pelo TJD-SP na noite desta terça-feira (02) por conta da invasão de campo na vitória sobre o Amparo na última rodada da terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Apesar de não perder mandos de campo nesta reta final do estadual, o Galo do Japí sofreu uma punição, sendo multado em R$ 500.

A equipe foi punida em dois incisos do artigo 213: 'invasão de campo ou local de disputa do evento desportivo' e 'lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo'. Do outro lado, o Amparo foi julgado pela desordem em sua praça desportiva, já que todo aconteceu no Estádio José de Araújo Cintra, mas foi absolvido.

Paulista é julgado e terá que pagar multa por invasão de campo em Amparo
Paulista é julgado e terá que pagar multa por invasão de campo em Amparo
ENTENDA O CASO
Após garantir a vitória, de virada, em cima do Amparo, pelo placar de 2 a 1, além da classificação antecipada para às quartas de final, alguns torcedores que estavam acompanhando o Paulista no José Araújo Cintra não se contiveram e invadiram o gramado para comemorar com os jogadores.

Apesar da multa, o Paulista vive uma situação confortável na Segundona. Após vencer o jogo de ida das quartas de final pelo placar de 2 a 0 sobre o Assisense, o time jundiaiense pode até perder por dois gols de diferença que assim mesmo estará classificado, graças a vantagem de jogar por dois resultados iguais por conta da melhor campanha. O segundo jogo entre as equipes está marcado para sábado (05), às 16h, no Estádio Jaime Cintra.