PAULISTA FEMININO: Em jogo de 6 gols, Rio Preto e Ferroviária ficam no empate

Em jogo muito movimentado, as equipes ficaram empatadas por 3 a 3

por Oscar Silva

São José do Rio Preto, SP, 10 (AFI) - Em jogo de seis gols e na sequência do Campeonato Paulista Feminino, segunda rodada Grupo 1, Rio Preto e Ferroviária fizeram um grande jogo no último sábado, no estádio Anísio Haddad, mais conhecido como o Riopretão. O embate terminou empatado 3 a 3.

Para o Jacaré, fizeram Marta Jéssica e Keké, enquanto Suzana, contra, Mônica e Ludmila assinalam para o time Grená. Com o empate, as meninas rio-pretenses soma quatro pontos ganhos, mesma pontuação do representante de Araraquara que é líder no saldo de gol(5 a 2). O próximo compromisso no time comandado pelo técnico Chicão Reguera, será no próximo domingo, ás 15 horas, em Osasco, no estádio José Liberatti, contra o Audax.

O JOGO
O time da Vila Universitária saiu atrás no marcador, buscou o empate e a virada, mas acabou cedendo o empare de 3 a 3 O time dirigido por Chicão Reguera levaram um susto no início da partida, logo depois de Miriã desperdiçar uma chance preciosa de abrir o placar. Na jogada ensaiada das Guerreiras Grenás, a lateral Mônica, ex-Rio Preto, tocou no canto esquerdo de Carol para inaugurar o placar, aos 13 minutos.

Em jogo de 6 gols, Rio Preto e Ferroviária ficam no empate (Foto: Divulgação)
Em jogo de 6 gols, Rio Preto e Ferroviária ficam no empate (Foto: Divulgação)

Quatro minutos depois, foi a vez de Ludmila, que também já vestiu a camisa esmeraldina, aproveitar a bola cruzada na área da esquerda para ampliar, 2 a 0. Aos 19, em jogada pela direita de ataque, o cruzamento na área foi na medida para a atacante Marta por a cabeça e descontar.

O empate saiu no final do primeiro tempo. Na bola levantada da esquerda, Lelê deu ótima assistência, de cabeça, deixando Jéssica na cara de Luciana. A volante esmeraldina deu um toque sutil de perna esquerda para empatar em 2 a 2.

O lance aconteceu aos 39 minutos. Na segunda etapa, aos 22 minutos, o Rio Preto passou à frente do marcador com o gol de Keké, que aproveitou a indecisão da defesa e encobriu a goleira da Ferrinha. Cinco minutos após, em escanteio da direita, a bola sobrou para a atacante Ludmila, que venceu Carol, deixando tudo igual 3 a 3. Por aquilo que as duas equipes produziram em campo o resultado foi justo.

ESCALAÇÃO
O Jacaré foi a campo com: Carol; Karina( Bárbara), Di, Siméia e Mariana; Suzana, Jéssica e Lelê; Miriã (Miriele), Keké e Marta (Maria). Já Ferroviaria, do técnico Celso Boffa, teve a seguinte formação: Luciana; Mônica, Géssica, Carol Pretona e Barrinha; Luana, Juliana (Carolina) e Rafaela (Thaynara); Paty, Ludmila e Rafaela Travalão.

Apitou o duelo, Paulo Cesar Francisco, que foi auxiliado por Rafael Pantaleão de Oliveira e Amanda Pinto Matias. Forma três cartões amarelos distribuídos para Siméia, do Rio Preto e Juliana e Mônica, ambas da Ferroviária.