A2: Após reunião com diretoria, técnico do Taquaritinga permanece

por Agência Futebol Interior

Taquaritinga, SP, 01 (AFI) - Após mais uma derrota no Campeonato Paulista da Série A2, agora para o Osvaldo Cruz, concorrente direto para escapar do rebaixamento, especulou-se a saída do técnico Carlos Rabello do comando do Taquaritinga.

Veja também:
A2: Técnico do São Bernardo aposta em união pelo bom momento

No entanto, após o jogo, foi realizada uma reunião entre ele e os diretores do clube para ser decidido o futuro do treinador. Segundo a diretoria, as duas partes entraram num acordo e Rabello continua no comando do CAT.

O acordo foi feito por duas possíveis vertentes. Uma delas é que a diretoria teria pagado o salário do técnico de forma antecipada. Com isso, caso fosse mandado embora, não teria condições financeiras para contratar outro logo em seguida.

A outra, em entrevista ao Futebol Interior, Rabello afirmou que "a vontade era até de sair do clube, mas houve bom senso da minha parte e vamos dar continuidade ao trabalho". Porém, a torcida deve ser levada em conta, e caso o resultado positivo não apareça em uma ou duas rodadas, a pressão em cima do treinador só deve aumentar.

Outra postura
O técnico ainda se mostrou esperançoso e quer outra postura da equipe. "Temos que acreditar. Mas temos que melhorar o rendimento. Na última partida, a equipe errou muito individualmente. Enfrentamos uma equipe melhor que a nossa e eles aproveitaram as oportunidades. A nossa postura tem que ser outra", concluiu.

Atualmente o Taquaritinga ocupa a 17ª colocação com 12 pontos, um a menos que o 16º (o primeiro time fora da zona do rebaixamento) América. Dando sequência a luta para escapar da Série A3, o CAT recebe o Atlético Sorocaba, na próxima quarta-feira, às 20h30.