Com argentino que fez carreira no Chile e na Itália no Top-3, veja artilharia no Paraibano

Lucas Simón, avançado de 33 anos, marcou quatro gols pelo Botafogo, mas líder Rafael Ibiapino, jogador do Campinense

por Agência Futebol Interior

João Pessoa, PB, 26 (AFI) - O Campeonato Paraibano foi paralisado, por conta da pandemia do Covid-19, na reta final da primeira fase, quando a briga pela classificação às semifinais estava 'caliente' e apenas o Sport Lagoa Seca estava com o rebaixamento sacramentado. A luta pela artilharia era outra que estava interessante.

Rafael Ibiapino, atacante do Campinense, lidera o quesito. Em oito partidas, o ex-jogador do Botafogo-PB marcou sete gols e chegou a anotar um hat-trick diante do Sport Lagoa Seca, em 1.º de março, quando a Raposa goleou o Carneiro, no estádio Amigão, em Campina Grande, pelo placar de 6 a 0, pela sexta rodada.

O grande destaque da lista, porém, é o centroavante do Botafogo, o argentino Lucas Simón, autor de quatro tentos em seis jogos. Cria do Cadetes de San Martín, rodou por Nueva Chicago-ARG, Piacenza-ITA, Tigre-ARG, Unión La Calera-CHI, Palestino-CHI, Huachipato-CHI, Deportivo Municipal-PER e Cobreloa-CHI até desembarcar no Belo.

Lucas Simón (Foto: Divulgação/Botafogo-PB)
Lucas Simón (Foto: Divulgação/Botafogo-PB)

CONFIRA O TOP-8, SEGUNDO O SITE O GOL

SETE GOLS
Rafael Ibiapino (Campinense)

QUATRO GOLS
Lucas Simón (Botafogo)
Éder Paulista (Atlético Cajazeiras)

TRÊS GOLS
Lohan (Botafogo)
Dakson e Romeu (Sousa)
Paulinho (Atlético Cajazeiras)
Júnior Mandacaru (Nacional)