Abel Ferreira prevê temporada mais difícil no Palmeiras: 'Passamos a ser alvo'

Português disse que o clube vai precisar trabalhar mais para conseguir manter o nível de competitividade

por Agência Estado

São Paulo, SP, 7 (AFI) - O técnico Abel Ferreira, do Palmeiras, comemorou neste domingo a conquista da Copa do Brasil e projetou que a temporada 2021 deve ser mais difícil. Depois de ter batido o Grêmio por 2 a 0 no Allianz Parque e garantido o título, o treinador português disse que o clube vai precisar trabalhar mais para conseguir manter o nível de competitividade e não ser ameaçado pelos rivais, que com certeza vão se esforçar para conseguirem vencer o time.

"Passamos agora a ser um alvo. Todos vão querer ganhar da gente. Todos os nossos adversários vão se sentir motivados para derrotar os campeões.
Temos que estar preparados para isso mentalmente. Nós, como clube, como estrutura, como treinadores e como torcedores"
, disse o treinador.

TÉCNICO QUER PALMEIRAS COM A MESMA PEGADA

Espaço incorporado por HTML (embed)

SEGUNDO TÍTULO
No cargo desde novembro, o português foi campeão também da Copa Libertadores. Antes dele, o time havia conquistado o Campeonato Paulista sob o comando de Vanderlei Luxemburgo.

O treinador disse ter orgulho do trabalho realizado e dos dois títulos, porém avisou que a temporada de 2021 deve ser bem mais complicada.

"Eu digo com toda sinceridade: vai ser muito difícil repetir outra temporada igual a essa. Agora, temos que criar nós todos, clube, comissão técnica e patrocinadores, condições para que essa equipe continue a crescer, que esse clube continue a crescer, para que a gente consiga se manter no topo", explicou.

Abel Ferreira: não exige reforços, mas não quer demissão no clube
Abel Ferreira: não exige reforços, mas não quer demissão no clube

TRABALHO INICIADO
A temporada 2021 teve início no calendário dos times brasileiros no fim de semana passada. O Palmeiras até já estreou pelo Campeonato Paulista contra o Corinthians, na última quarta-feira, e ficou no empate por 2 a 2.

A equipe agora terá outros compromissos pelo Estadual pelas próximas semanas e na opinião do técnico, será preciso o clube não se acomodar com o sucesso.

"Nós temos que entender exatamente que, se ficarmos iguais, vamos parar. Para mim, a coisa mais importante quando você está tendo sucesso é entender o que precisa melhorar para crescer.
E é nesses momentos que precisamos aprender e apostar nas coisas certas"
, disse Abel.

Na quinta-feira, a equipe volta a campo pelo Campeonato Estadual ao receber o São Caetano, no Allianz Parque.

PROFESSOR LEVA O TRADICIONAL BANHO DE ÁGUA GELADA

Espaço incorporado por HTML (embed)

SEM COBRAR REFORÇOS
O técnico explicou que não cobra da diretoria reforços caros para a próxima temporada e relembrou que o clube teve uma postura responsável na pandemia ao não demitir funcionários.

"Entre contratar reforços e manter as contas do Palmeiras equilibradas, evitando que funcionários sejam demitidos e que os salários atrasem, prefiro ficar sem os reforços e com as contas em dia. E vale lembrar que o clube não demitiu ninguém durante a pandemia", explicou.