Palmeiras está a um gol de chegar ao 100º com Felipão no comando técnico

Desde que foi contratado, Felipão não esteve no banco de reservas em duas oportunidades

por Agência Estado

São Paulo, SP, 11 - O Palmeiras está a um gol de chegar ao 100.º com o técnico Luiz Felipe Scolari no banco de reservas nesta terceira passagem do técnico pelo clube. O próximo jogo da equipe será contra o Avaí, nesta quinta-feira, às 20 horas, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

Felipão retornou ao Palmeiras no segundo semestre do ano passado. Nos 62 jogos sob o comando do treinador, a equipe venceu 42 vezes, empatou 15 e perdeu cinco. Foram 99 gols marcados e 26 sofridos.

Palmeiras está a um gol de chegar ao 100º com Felipão no comando técnico
Palmeiras está a um gol de chegar ao 100º com Felipão no comando técnico
Desde que foi contratado, Felipão não esteve no banco de reservas em duas oportunidades, ambas contra o Bahia em 2018. O auxiliar Paulo Turra comandou o Palmeiras no empate sem gols pela Copa do Brasil, antes de Felipão assumir efetivamente a equipe, e no empate por 1 a 1 pelo Brasileirão, quando o treinador cumpriu suspensão.

Dos 62 jogos com Felipão, o Palmeiras passou em branco 11 vezes, com seis empates e cinco derrotas. Já a maior goleada foi por 5 a 0 sobre o Novorizontino, pelas quartas de final do Campeonato Paulista deste ano. A média de gols da equipe alviverde é de quase 1,6 por partida.

Nesta terceira passagem de Felipão, o Palmeiras conquistou o Brasileirão de 2018. Neste ano, a equipe lidera o campeonato nacional de pontos corridos e está nas quartas de final da Copa do Brasil e nas oitavas da Copa Libertadores.

Mercado da Bola
Contratações
Não houve contratações no período
Palmeiras-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Weverton, Fernando Prass e Jailson

  • Laterais

    Marcos Rocha, Mayke, Diogo Barbosa

  • Zagueiros

    Luan, Gustavo Gomez e Vitor Hugo

  • Volantes

    Felipe Melo e Bruno Henrique

  • Meias

    Gustavo Scarpa, Lucas Lima e Zé Rafael

  • Atacantes

    Dudu, Deyverson, Borja, Carlos Eduardo e Henrique Ceifador

  • Técnico

    Mano Menezes