Crise! Dirigente do Palmeiras critica comentário de Marcos

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 05 (AFI) – O momento vivido pelo Palmeiras não está nada bom e piorou após a derrota na quarta-feira para o Santo André, por 3 a 1, em pleno Palestra Itália. No intervalo, o goleiro Marcos declarou que vai parar no final do ano e o vice-presidente, Gilberto Cipullo, declarou que ele foi infeliz no comentário.

Confira:
Além do Corinthians, outros dois paulistas fazem 100 anos em 2010

Segundo o dirigente, Marcos não pode ficar fazendo esses comentários durante as partidas, pois está de cabeça quente. Mas Cipullo revelou que a declaração foi bastante infeliz, principalmente pelo fato do goleiro ser um torcedor.

“Foi mais uma declaração infeliz do Marcos, no meio da partida. Não adianta, é incontrolável. Ele age como torcedor. Ele torce demais, acaba ficando nervoso”, afirmou o dirigente.

O goleiro confirmou que deve parar de jogar no final deste ano ou no máximo até janeiro de 2011, mas isso não deve acontecer. Ídolo da torcida do Palmeiras, Marcos ainda vai continuar no clube por mais três anos, fazendo parte da comissão técnica.