Campeão mundial, Mbappé sonha com a Liga dos Campeões: 'Quero todos os títulos'

Astro francês é o principal jogador do Paris Saint Germain na atual temporada

por Agência Estado

Campinas, SP, 25 - Já classificado às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, o Paris Saint-Germain faz nesta terça-feira um duelo contra o Real Madrid, no estádio Santiago Bernabéu, em Madri, com o objetivo de se garantir na liderança do Grupo A.

Precisa apenas de um empate para garantir isso, mas o atacante Kyllian Mbappé, de 20 anos, já pensa mais longe. Quer o título para completar a lista de conquistas que já tem na ainda curta carreira no futebol.

Campeão da Copa do Mundo em 2018 e vencedor de três edições do Campeonato Francês - dois com o PSG e um com o Monaco -, além de título da Copa da França e da Copa da Liga Francesa, Mbappé revelou o seu desejo em uma entrevista ao site oficial da Fifa, publicada nesta segunda-feira.

Mbappé sonha em conquistar título inédito na Liga dos Campeões
Mbappé sonha em conquistar título inédito na Liga dos Campeões
"É a competição de clubes (Liga dos Campeões) que todos os jogadores sonham. Tenho a sorte de conhecer jogadores que já foram campeões e sempre os observo. Aprendo com eles e espero ganhá-la eu mesmo uma vez", disse o atacante, que sabe que a tarefa não é fácil. "É preciso manter um nível de exigência. Quando se pensa em ganhar mais, tem que mostrar que pode ser melhor".

SONHO ANTIGO

O título que Mbappé quer é o mesmo que é perseguido há um bom tempo pelo seu clube. No entanto, o Paris Saint-Germain tem falhado nas primeiras fases de mata-mata e nunca chegou sequer às semifinais da competição.

"O mais importante é estar concentrados em nós mesmo. Aprendemos com as experiências anteriores. Mas parece que estamos conseguindo formar uma boa equipe", afirmou.

O jogador confessou que a sua vida mudou muito depois da conquista do título da Copa do Mundo com a seleção da França no ano passado.

"Todo mundo nos conhece agora. A atenção é muito maior e as pessoas se interessam mais (pela gente) porque fizemos uma coisa boa", comentou Mbappé, que fez elogios ao treinador Didier Deschamps. "Me encanta trabalhar com uma pessoa cujo nome está escrito nos livros de história do futebol".