Em corrida virtual, atletas etíopes arrecadam fundos para combate ao coronavírus

ão havia distância ou duração especificada para os participantes correrem

por Agência Estado

São Paulo, SP, 16 - Os campeões olímpicos Tirunesh Dibaba, correndo em um estádio vazio, e Kenenisa Bekele, dentro de sua própria casa, participaram neste sábado de uma ação para arrecadar fundos com o intuito de contribuir para o combate ao surto do coronavírus na Etiópia.

A Grand African Run, uma corrida anual geralmente realizada nos Estados Unidos, e a Federação Etíope de Atletismo, se uniram para organizar o evento. E atraíram corredores de todo o mundo, principalmente etíopes. Não havia distância ou duração especificada para os participantes correrem.

INTERESSANTE
Os atletas etíopes foram acompanhados por corredores amadores de todo o mundo. Os participantes corriam em esteiras, dentro de suas casas ou ao redor de seus jardins. O evento foi transmitido ao vivo online e os corredores estavam conectados por plataformas como Zoom, Facebook Live e YouTube para angariar fundos.

Tirunesh Dibaba
Tirunesh Dibaba
Dibaba, correu no vazio Estádio Nacional de Adis-Abeba, acompanhada pelas irmãs Genzebe e Ejegayehu, também atletas de elite. Bekele, também tricampeão olímpico, correu dentro de sua casa.

Derartu Tulu, primeira mulher negra africana a ganhar um ouro nos Jogos, também participou, do seu jardim.

"Anseio pelo dia em que essa pandemia acabar e correr com todos vocês. Espero que não esteja muito longe", disse.

Os organizadores disseram que o dinheiro arrecadado será doado a duas organizações sem fins lucrativos da Etiópia que estão ajudando os esforços do país contra o vírus.