Paulista A2: Em amistoso internacional, Audax vence atual campeão boliviano

O GOA venceu o time do Always Ready, da Bolívia, pelo placar de 2 a 1 no Estádio Prefeito José Liberatti

por Agência Futebol Interior

Osasco, SP, 17 (AFI) - O Audax venceu na tarde de terça-feira (16) por 2x1, o time Always Ready, campeão nacional boliviano, no José Liberatti. Em fase de pré-temporada visando o Paulista A2, o GOA disputou a última partida amistosa antes da estrear na A2 em 27 de fevereiro diante do Juventus.

Ainda promovendo ajustes na equipe, a comissão técnica revezou o elenco durante o confronto, na primeira parcial o técnico Max Sandro escalou o que considera a equipe ideal, porém, ressaltou que mudanças ainda podem ser promovidas. Para o treinador, a equipe começou devagar mas conseguiu impor um bom volume de chances de gol.

“Precisamos entrar mais focados, na A2 teremos jogos muito difíceis nos quais não podemos desperdiçar chances. A nossa evolução, no entanto, tem sido boa. O padrão que alcançamos nos últimos jogos apareceu novamente.”

Em amistoso internacional, Audax vence atual campeão boliviano
Em amistoso internacional, Audax vence atual campeão boliviano

DETALHES DO DUELO
No primeiro tempo quem abriu o placar da partida foi o atacante Wellington aos 21 minutos após receber cruzamento de Tavares na pequena área. Impondo-se em campo, o Audax evitou que o Always Ready chegasse a igualdade no marcador, para Max o equilíbrio ofensivo e defensivo do time foi essencial para o desempenho demonstrado.

Na etapa complementar uma nova equipe entrou em campo: ”Optamos por uma equipe mais jovem, com menos entrosamento, porém, já com bastante rodagem e personalidade.”.

Falando em juventude, quem brilhou no segundo tempo foi Guilherme Vieira, o jovem foi o responsável por ampliar o placar, marcando 2x0, após roubar a bola no meio de campo, avançando à grande área, livrando-se da marcação e batendo no canto esquerdo inferior do time boliviano. Minutos depois, o adversário conseguiu descontar um gol no placar.

“Sofremos um gol de bola parada, faz parte. Agora a equipe precisa jogar sempre com muita competitividade, não adianta ter padrão e conceito de jogo e não se impor em campo. O Audax para vencer melhor e com mais elasticidade precisa mostrar agressividade de todas as maneiras.”, finalizou o técnico Max Sandro.

PREPARAÇÃO
Deixando claro quais são os problemas a serem corrigidos após todas as observações realizadas durante as partidas amistosas, o GOA entra nos últimos dias de preparação com o foco em melhorar a imposição da equipe em campo e afinar as finalizações.