Série B: Gerson Gusmão crava "gente vai com o que tiver de melhor"

Operário enfrentará o Figueirense fora de casa neste sábado pela 38ª rodada

por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 29 (AFI) - O Operário bem que sonhou com o acesso, mas não teve força para brigar até o final da Série B do Campeonato Brasileiro. Isso, porém, pouco importa na visão do técnico Gerson Gusmão. Tanto é verdade que ele prometeu o Fantasma com força máxima na 38ª e última rodada neste sábado, às 16h30, contra o Figueirense no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

"Não vou testar ninguém. Vou colocar o que a gente tem de melhor para buscar o melhor resultado. Precisamos de uma equipe competitiva, como se fosse disputar um jogo valendo o acesso ou uma briga embaixo. A gente vai com o que tiver de melhor, tirando os atletas que já se desligaram do clube e os suspensos, alguns com algum desconforto ou lesão, que não estão 100% para jogar", cravou o comandante.

Gerson Gusmão, porém, terá desfalques para armar o Operário. O volante Índio e o lateral-direito Maílton estão suspensos. Maílton, assim como lateral-esquerdo Julinho, o zagueiro Edson Borges e os atacantes Cássio Ortega e Cléo Silva foram liberados pela diretoria e não vestem mais a camisa do clube paranaense.

Força máxima para Gusmão. (Foto: José Tramontin / Operário)
Força máxima para Gusmão. (Foto: José Tramontin / Operário)
John Lennon e Danilo Báia brigarão por uma vaga na lateral direita. No meio, Chicão e Revson disputarão uma vaga. O zagueiro Rodrigo, o atacante Felipe Augusto e o volante Jardel, por outro lado, voltam de suspensão.

Na 10ª colocação com 49 pontos, o Operário deve jogar com André Luiz; Lennon (Danilo Báia), Alisson, Rodrigo e Allan Vieira; Jardel, Chicão (Revson) e Marcelo; Cleyton, Lucas Batatinha e Felipe Augusto.