Série C: Operário-PR tenta adaptar estádio para evitar final fora de Ponta Grossa

Capacidade liberado para o Germano Krüger é de 8.832 torcedores, número abaixo dos 10 mil determinados pela CBF

por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 10 (AFI) - Depois de garantir vaga na final da Série C ao bater o Bragantino nos pênaltis, o Operário-PR corre contra o tempo para liberar o estádio Germano Krüger para o primeiro jogo da final contra o Cuiabá, previsto para ocorrer no próximo domingo. Isso porque a capacidade total liberada atualmente não atende os requisitos da CBF.

A entidade máxima do futebol brasileiro estabelece que as finais da terceira divisão precisam ser disputadas em um estádio com capacidade para 10mil torcedores. Hoje, o Germano Krüger pode receber apenas 8.832.

O número, no entanto, pode ser alterado a realização de um laudo feito por um engenheiro e a aprovação do Corpo de Bombeiros A diretoria do clube já fez o procedimento pedindo uma recontagem e espera contar com a compreensão da Federação paranaense de Futebol para liberar as vagas necessárias para que o jogo aconteça em Ponta Grossa.

Foto: José Tramontin/OFEC
Foto: José Tramontin/OFEC
Otimista de que tudo ocorrerá bem, o clube ainda não falou sobre um possível plano B, caso o novo laudo seja recusado. Se isso acontecer, a partida teria que acontecer em outro estádio, com capacidade compatível.

As datas e horário das finais ainda não foram definidas. Na tabela base, porém, o jogo de ida está marcado para o dia 16 de setembro e a volta para 23 de setembro.

 
 
" />