Em meio à crise, presidente de clube do Paulista A3 renuncia cargo

Mosca foi eleito em outubro de 2019 e possuía mandato até o fim de outubro de 2022

por Agência Futebol Interior

Bauru, SP, 20 (AFI) - Em grave crise financeira por conta da paralisação do futebol, o Noroeste não contará mais com seu presidente. Isso porque Rodrigo Gomes, o Mosca, renunciou ao cargo na neste sábado.

Diretor desde 2015, Mosca atuou como vice-presidente em 2016, no mandato de. Estevan Pegoraro. Mosca e o vice-presidente Leandro Palma, o Lelê, foram eleitos em outubro de 2019 e possuíam mandato até o fim de outubro de 2022.

A princípio, o vice-presidente Lelê assume o cargo. Entretanto, ele afirmou que o clube se reunirá ainda neste final de semana para analisar a situação. Lelê informará se permanece ou não no clube na segunda-feira.

MOSCA DESTACA FALTA DE RECURSOS

"A decisão da renúncia é por falta de recursos. Topei o desafio, não é fácil, pois os problemas são grandes, mas tínhamos uma retaguarda financeira. Deu muito resultado, tanto dentro de campo, quanto fora, equalizando as dívidas.

Com essa pandemia, perdi praticamente toda essa estrutura financeira, fiquei sem chão. É difícil tocar um clube sem dinheiro. Deixo aberto o cargo para uma pessoa que chegue com recursos porque é isso que o Noroeste precisa agora", disse Mosca ao Portal Futebol Interior.

Mosca e Lelê. Foto: Bruno Freitas/Noroeste
Mosca e Lelê. Foto: Bruno Freitas/Noroeste

SITUAÇÃO DO CLUBE

O Noroeste demitiu todos os funcionários no começo deste mês e fechou sua sede até o fim do ano, além de encerrar as atividades das redes sociais.

Com mais de dois meses de salários atrasados para atletas e funcionários, segue sem fonte de renda.

ESTADUAL

A quatro rodadas para o fim da primeira fase, o Noroeste ocupava a liderança isolada com 26 pontos, seis a mais do que o vice-líder EC São Bernardo.

Além de ser o único classificado ao mata-mata, possui também o melhor ataque, com 19 gols, melhor defesa, com cinco gols sofridos, melhor média de público, com 3.479 e um dos artilheiros da competição, Fabrício, com seis gols.