Paulista A3: Líder, Noroeste ostenta feitos e tem grande média de público

Norusca volta a campo já nesta quarta-feira, contra o vice-líder Batatais, novamente no Alfredão, em Bauru, às 19h30

por Agência Futebol Interior

Bauru, SP, 11 (AFI) - O Noroeste segue com seu planejamento pautado por etapas, jogo a jogo, mas já registra uma marca importante: é o único time das Séries A1, A2 e A3 do Campeonato Paulista que venceu todas as partidas em 2020: são quatro vitórias em quatro rodadas. Ainda soma ainda 360 minutos sem tomar gol.

A maior invencibilidade da história do Noroeste é recente. Foram 14 jogos sem saber o que é derrota, sendo 12 na Série A3 de 2019 e dois na Copa Paulista de 2018, sob comando do experiente técnico Betão Alcântara.

ÚLTIMA VEZ QUE VENCEU 5 JOGOS SEGUIDOS
Para dados comparativos, o Noroeste teve uma série de cinco vitórias seguidas na Segundona de 2015, sob comando do técnico João Martins, derrotando Bandeirante (2 a 0), José Bonifácio (2 a 0), Osvaldo Cruz (3 a 0), Tanabi (3 a 0) e Assisense (3 a 2). Desde então, o Noroeste não venceu mais 5 jogos seguidos.

Foto: Bruno Freitas / EC Noroeste - Foto: Bruno Freitas / EC Noroeste
Foto: Bruno Freitas / EC Noroeste
BOA CAMPANHA EM 2010
Em 2010, pela Série A2, ano em que retornou ao Paulistão, o Norusca teve outra boa sequência de vitórias, sob comando do técnico Luciano Dias. Bateu Marilia (1 a 0), Flamengo ( 2 a 1), Rio Preto (3 a 1) e São Bernardo (1 a 0).

MAIOR PÚBLICO ENTRE SÉRIES A3 E A2 de 2020
O Noroeste volta a campo já nesta quarta-feira, contra o vice-líder Batatais, novamente no Alfredão, em Bauru, às 19h30, com expectativa de casa cheia. No confronto com o Marília, o público foi de 5.708 pessoas; contra o Paulista, 3.368. O Norusca tem a melhor média de torcedores em estádio entre clubes da Série A3 e A2, com 4.538 por jogo.

Mercado da Bola
Noroeste-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Pablo e Thales

  • Laterais

    Carlinhos, Juninho, Renan e Denilton

  • Zagueiros

    Guilherme Teixeira, Jean Pierre, Matheus Blade e Vitor Gava

  • Volantes

    França, Jonatas Paulista, Lenon e Rogério Maranhão

  • Meias

    Igor Pimenta, Diego Souza, Yamada, Leandro Oliveira e John Egito

  • Atacantes

    Pedro, Leleco, Everton e Fabrício

  • Técnico

    Luís Carlos Martins