Após destaque na Copinha, crias do Noroeste entram na mira de grandes do Rio

Volante Dexter e o meia Paulinho, ambos de 18 anos, são monitorados por Botafogo, Fluminense e Vasco

por Agência Futebol Interior

Bauru, SP, 12 (AFI) - O Noroeste, após disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, colocou dois atletas em evidência dos grandes clubes do Rio de Janeiro: o volante Dexter e o meia Paulinho, ambos de 18 anos, monitorados ao longo da competição.

A dupla foi titular absoluta no torneio no time comandado pelo técnico Luciano Sato. Paulinho foi autor de um dos gols na goleada em cima do Visão Celeste-RN, pelo placar de 4 a 2, de virada.

Dexter e Paulinho se destacam no Noroeste
Dexter e Paulinho se destacam no Noroeste
Frente o Botafogo, o meia e o volante capitão Dexter foram os grandes destaques do jogo, entrando no radar da Estrela Solitária

Os jogadores disputaram o Campeonato Paulista Sub 17 de 2018 pelo time de Bauru e, no ano seguinte, foram profissionalizados - ganharam, inclusive, oportunidade no Campeonato Paulista da Série A3 e da Copa Paulista.

Dexter, na oportunidade, fez a estreia como titular. Com 1,80 de altura, mostrou personalidade ao atuar na equipe profissional.

Os dois atletas são as apostas do clube e são monitorados por Botafogo e outros dois tradicional do Rio de Janeiro: Fluminense e Vasco da Gama.

Eles, recentemente, foram campeões dos Jogos Aberto do Interior da Segunda Divisão em novembro de 2019, com o meia Paulinho sendo artilheiro e eleito o craque da competição.

O atleta tem como característica assistência, passe médio e longa distância, além de ser especialista em cobranças de falta.

Mercado da Bola
Noroeste-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Pablo e Thales

  • Laterais

    Carlinhos, Juninho, Renan e Denilton

  • Zagueiros

    Guilherme Teixeira, Jean Pierre, Matheus Blade e Vitor Gava

  • Volantes

    França, Jonatas Paulista, Lenon e Rogério Maranhão

  • Meias

    Igor Pimenta, Diego Souza, Yamada, Leandro Oliveira e John Egito

  • Atacantes

    Pedro, Leleco, Everton e Fabrício

  • Técnico

    Luís Carlos Martins