Noroeste revela quatro atletas da base, agora, para o Santos

Norusca fez parceria de vitrine para vendas futuras com lateral-direito do sub-17, meio-campo e dois zagueiros do sub-15

por Agência Futebol Interior

Bauru, SP, 30 (AFI) - Depois de vender Rael e Rafinha ao Corinthians, em março deste ano, após uma parceria de vitrine com Ferroviária e Avaí, respectivamente, graças também ao apoio de empresários e alguns patrocinadores, como a Tel Telecomunicações, parceira desde 2014, a Locomotiva Vermelha voltou a promover jogadores aos gigantes do futebol nacional.

Desta vez, numa parceria inédita com o Santos, o Noroeste encaminhou quatro atletas que foram destaques no Campeonato Paulista deste ano, um do sub-17 e três do sub-15. Todos os jogadores comandados pelo técnico e coordenador da base Luciano Sato, que assumiu as categorias em janeiro deste ano.

São eles o lateral-direito Gustavo Moreira, 17 anos, natural de Santa Cruz do Rio Pardo (SP), o meia-atacante Sidnei Neto, 15 anos, nascido em Novo Horizonte (SP), e os zagueiros Samuel Santos, 15 anos, natural de Belo Horizonte (MG), e João Pedro Silva, 14 anos, natural de Macatuba (SP).
(Foto: Bruno Freitas/Noroeste)
(Foto: Bruno Freitas/Noroeste)
CONTRATO PROFISSIONAL NO PEIXE
Por meio do Noroeste, Gustavo Moreira tem parceria firmada com contrato profissional no Santos, que vai até 31 de dezembro de 2022. Na parceria oficializada entre o Peixe e o Norusca, o acordo de vitrine é de venda futura, com 70% para o Santos e 30% para o Noroeste. Ou seja, caso Gustavo Moreira seja comprado, futuramente, por algum time do Brasil ou do Exterior, 30% do total desta possível negociação será destinada para o Alvirrubro.
Os casos de Sidnei, Samuel e João Pedro, por terem entre 14 e 15 anos, a parceria é com contrato de formação (não-profissional), com período firmado, inicialmente, até 31 de dezembro de 2019, podendo ser prorrogado dependendo do desempenho dos meninos na Baixada Santista.
OUTROS PODERÃO SER REVELADOS
O Noroeste salienta, sem poder citar nome de jogador, que em breve a mesma parceria poderá ser estendida com o Atlético Paranaense e o Grêmio Novorizontino.
"É uma satisfação enorme ver esses meninos com grande potencial, que começaram aqui no Alfredão, ganharem espaço para alçar vôos maiores na Vila Belmiro. Primeiro revelamos Rael e Rafinha, agora mais quatro, Gustavo, Sidnei, Samuel e João Pedro. Em breve poderão ser mais, muito mais. Mas precisamos de apoio da prefeitura e de empresários da cidade para alcançarmos nossos objetivos e continuarmos mantendo o clube funcionando", destacou o presidente noroestino Estevan Pegoraro.
O técnico e coordenador Luciano Santo também falou sobre a parceria inédita entre Noroeste e Santos. "Estou muito feliz, porque neste curto período de trabalho já estamos vendo resultados. Tivemos apenas janeiro e fevereiro (2018) para montar as equipes sub-15 e sub-17. Começamos praticamente do zero. Aconteceu casos que jamais aconteceram comigo, aqui no Noroeste, de revelar quatro jogadores ao mesmo tempo para um time do potencial do Santos", disse o coordenador da base noroestina.
PARCERIA E CONTINUIDADE EM 2019
Luciano Sato explica o motivo da importância de se fazer essa parceria. "Como não somos clube formador, nós podemos perder os jogadores a qualquer momento. E por isso a minha preocupação foi de se fazer parcerias com os nossos destaques, como essa no Santos, para termos garantia de venda futura. Agora precisamos de apoio para que tenhamos resultados cada vez melhores", salienta Sato, que já observa e monitora atletas num raio de 250 quilômetros de Bauru, para formar os times da temporada de 2019. Sato disse ainda que entre dezembro e janeiro haverá peneira em Bauru para observar os meninos da cidade.
 
 
" />