Copa do Brasil: Time que mais jogou no país, Náutico pode poupar contra a Ponte

O técnico Roberto Fernandes não divulgou qual será a escalação do Timbu desta quarta-feira

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 17 (AFI) - A desgastante sequência de jogos pode fazer o técnico Roberto Fernandes poupar alguns titulares nesta quarta-feira, quando o Náutico recebe a Ponte Preta, na Arena de Pernambuco, pela quarta fase da Copa do Brasil. Na ida, em Campinas, a Macaca goleou o Timbu por 3 a 0.

O cansaço dos jogadores tem uma justificativa. O Náutico já disputou 28 jogos em 2018 e é o time que mais atuou nesta temporada no futebol brasileiro. Ciente que o Timbu vai precisar ter uma intensidade maior diante da Ponte Preta, pois precisa vencer de pelo menos três gols de vantagem, Roberto Fernandes não descartou alterações.

O técnico Roberto Fernandes não revelou qual será a escalação do Náutico contra Ponte Preta
O técnico Roberto Fernandes não revelou qual será a escalação do Náutico contra Ponte Preta

"Vai jogar quem estiver melhor. E não melhor tecnicamente, mas na condição de ser competitivo. Vamos colocar em campo quem estiver em condição ideal para tentar reverter esse resultado. A Ponte tem uma boa vantagem, mas no futebol muitas coisas podem acontecer", comentou o treinador.

Roberto Fernandes evitou divulgar qual time vai mandar a campo, mas revelou que os jogadores do sistema defensivo são os mais desgastados. Por isso, o zagueiro Breno Calixto e o lateral-esquerdo podem aparecer entre os titulares contra a Ponte Preta.

Um desfalque certo é o artilheiro Ortigoza, que por problemas familiares precisou viajar para o Paraguai. Assim, Roberto Fernandes deve adiantar o meia Wallace Pernambucano para fazer a função de camisa 9.

O provável Náutico para enfrentar a Ponte é: Bruno; Thiago Ennes, Breno Calixto (Camutanga), Camacho e Kevyn (Tiago Costa); Negretti, Jhonnatan (William Gaúcho) e Júnior Timbó; Rafael Assis, Wallace Pernambucano e Robinho.