Com problemas de sáude, treinador deixa o lanterna do Mato-grossense

Nesta quinta-feira, Frederico Braz alegou problemas de saúde e pediu para deixar o Poconé

por Agência Futebol Interior

Poconé, MT, 11 (AFI) - Amargando a lanterna do Campeonato Mato-grossense depois de duas rodadas, o Poconé agora vai precisar ir ao mercado em busca de um novo treinador.

Nesta quinta-feira, a diretoria do Poconé anunciou a saída de Frederico Braz. Com problemas de saúde, o treinador teve o pedido de desligamento aceito pelo clube.

Fabrício Braz deixou o Poconé (Foto: Assessoria do Poconé)
Fabrício Braz deixou o Poconé (Foto: Assessoria do Poconé)
"Lamentavelmente, por problemas de saúde, o profissional optou em se desligar do cargo. A decisão foi aceita pela diretoria do clube.

O Poconé confia no pleno restabelecimento da saúde de Braz, agradecendo a ele pelo trabalho realizado durante o período em que estivera sob o comando do clube.

O Departamento de Futebol Profissional informa que em breve um novo nome será anunciado"
, diz a nota do clube.

TÁ COMPLICADO
Ainda sem pontuar no Mato-grossense, assim como Sinop e Dom Bosco, o Poconé amarga a lanterna. Foram dez gols sofridos e apenas dois feitos.

No domingo, pela terceira rodada do estadual, o Poconé vai até Rondonópolis enfrentar o União, no Luthero Lopes.