Inglês: Manchester United presta homenagens a mortos de acidente aéreo há 60 anos

Evento contou com a participação de grande parte do elenco do clube, além de José Mourinho e Alex Ferguson

por Agência Estado

Campinas, SP, 06 - Um das maiores tragédias da história do futebol mundial, o acidente aéreo envolvendo a delegação do Manchester United em Munique completou 60 anos nesta terça-feira. Para homenagear os 23 mortos naquele 6 de fevereiro de 1958, o clube inglês realizou uma cerimônia em seu estádio, o Old Trafford.

Avião que levava a delegação do Manchester United em 1958 (Foto: Manchester United)
Avião que levava a delegação do Manchester United em 1958 (Foto: Manchester United)
PRESENTES NA HOMENAGEM!
Ex-técnico do time e um dos grandes nomes de sua história, Alex Ferguson foi o responsável por ler uma mensagem em memória dos mortos na tragédia. A cerimônia foi realizada atrás de um dos gols do estádio e lotou as arquibancadas deste setor.

Além de Ferguson, compareceram os diretores do clube, o técnico José Mourinho e boa parte do elenco de jogadores. O treinador português e o capitão do Manchester, Michael Carrick, deixaram coroas de flores no local. Depois, o atleta falou sobre a sensação de participar da cerimônia.

"Hoje foi um dia muito impactante, e para os jogadores mais jovens e para aqueles que não estão no clube há muito tempo, isso é imenso. É ótimo ver que todos puderam se unir, porque estamos todos juntos nessa. É isso que torna esse grande clube tão especial. Foi um evento tão trágico e triste, mas é comemorado de uma forma tão incrível", considerou.

TRAGÉDIA
O acidente aéreo que matou oito jogadores aconteceu em Munique, depois que o Manchester United havia deixado Belgrado, após um duelo com o Estrela Vermelha pela Liga dos Campeões. Por isso, homenagens também foram prestadas em Munique e em Belgrado nesta terça.