Inglês: Uefa investiga o City por 'potenciais violações' ao Fair Play Financeiro

A investigação vai focar em diversas supostas violações que foram publicadas recentemente por veículos de imprensa

por Agência Estado

São Paulo, SP, 07 - A Uefa anunciou nesta quinta-feira que abriu uma investigação contra o Manchester City por "potenciais violações" às regras do Fair Play Financeiro. Em breve comunicado, a entidade não especificou quais seriam os possíveis delitos cometidos pelo clube inglês.

"A Câmara de Investigação do independente Controle Financeiro de Clubes da Uefa abriu hoje uma investigação formal contra o Manchester City por potenciais violações ao regulamento do Fair Play Financeiro. A investigação vai focar em diversas supostas violações que foram publicadas recentemente por veículos de imprensa. A Uefa não fará maiores comentários enquanto a investigação estiver em andamento", informou.

Documentos internos sobre as finanças do Manchester City foram divulgados na série de publicações da Football Leaks realizada na revista alemã Der Spiegel. De acordo com a denúncia, o clube teria enganado a Uefa ao disfarçar a fonte da renda de patrocínios, vinculada aos donos do City em Abu Dabi.

Se for considerado culpado pela quebra das regras do Fair Play Financeiro, o Manchester City pode até ser impedido de disputar edições futuras da Liga dos Campeões. Nesta temporada, a equipe está nas oitavas de final do torneio, pela qual venceu o Schalke 04 no jogo de ida, na Alemanha.