Série B: Ex-Guarani, novo técnico do Londrina diz que permanência seria um 'título'

Silvinho, que atuou como meia quando jogador, estava no sub-19 do LEC e foi o escolhido para comandar o time nas rodadas finais

por Agência Futebol Interior

Londrina, PR, 11 (AFI) - Dono de uma forte identificação com o Londrina, Silvinho foi o escolhido para assumir o comando técnico do time, na missão de evitar o rebaixamento, após a demissão de Mazola Júnior. Ex-meia revelado pelo próprio Tubarão – e com passagens por Guarani, Internacional e Vitória –, o treinador foi deslocado do time sub-19 para comandar a equipe profissional nas quatro rodadas finais.

“Todos nós temos um nome no clube e a nossa importância. Seria fundamental e um presente para o torcedor deixar o clube onde encontramos. Se conseguimos a permanência, com certeza, é um título, disse através da assessoria de imprensa”, afirmou Silvinho.

O comandante estreia nesta terça-feira, no Heriberto Hülse, onde o LEC visita o Criciúma, a partir das 20h30, pela 35ª rodada. Com desfalques, ele terá alguns problemas para definir a escalação que será utilizada no compromisso.

Foto: Gustavo Oliveira/Londrina EC
Foto: Gustavo Oliveira/Londrina EC
NA LATERAL
A principal questão é na lateral direita. Isso porque Alemão está suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo, enquanto Raí Ramos se recupera de uma lesão na panturrilha. A tendência é que o volante Matheus Neris seja improvisado na posição.

A lista de desfalques continua com Germano e André Moritz, ambos tratando lesão. A notícia boa, por fim, é o retorno do atacante Matheuzinho, novamente à disposição depois de cumprir suspensão.

O Londrina deve ir a campo com César; Dirceu, Sílvio e Léo Rigo; Matheus Neris, Bertotto, Pedro Cacho, André Moritz e Feliipe; Uelber e Léo Passos.