Copa Paulista: Futebol Sustentável leva dicas sobre o meio ambiente a escolas de Lins

O Linense recebe o Desportivo Brasil, às 10h de domingo, no Gilbertão, em casa, pela terceira rodada da segunda fase

por Agência Futebol Interior

Lins, SP, 05 (AFI) - O Programa Futebol Sustentável sempre mostra que é uma ação diferenciada. Neste meio de semana, os líderes do projeto foram a escolas de Lins convocar os torcedores mirins e levar informações sobre a importância do meio ambiente. Até o Elefante da Noroeste, mascote do Linense, participou.

O Linense recebe o Desportivo Brasil, às 10h de domingo, no Gilbertão, em Lins, pela terceira rodada da segunda fase da Copa Paulista. O Elefante da Noroeste aparece na segunda colocação com três pontos, o mesmo do Rio Claro, três abaixo do São Caetano. O Dragão Chinês segura a lanterna do Grupo 8, zerado. Os dois melhores avançam.

"A E&L Marketing Esportivo trabalha conscientizando as crianças, mostrando o quanto as pets nos bueiros e nas ruas são prejudiciais, além de grandes agente poluidores e criadouros até de doenças. Com isso, também trazemos o torcedor do futuro ao estádio. Se não conseguirmos introduzir a prática de esportes, com certeza contribuímos com a formação de cidadania. Este também é o espírito do Futebol Sustentável", disse o empresário Edivaldo Ferraz.

É SUSTENSHOW
O Programa Futebol Sustentável é idealizado pelo presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Reinaldo Carneiro Bastos, e executado pela E&L Marketing, empresa administrada por Edivaldo Ferraz.

Copa Paulista: Futebol Sustentável leva dicas sobre o meio ambiente a escolas de Lins - Foto: Divulgação
Copa Paulista: Futebol Sustentável leva dicas sobre o meio ambiente a escolas de Lins

Vale lembrar como funciona: para adquirir um ingresso, basta levar duas garrafas pets aos postos de troca. Todo material de reciclagem é destinado a uma cooperativa ou entidade da cidade que recebe a partida.

GRANDE PROJETO
Desde 2016, o projeto já tirou mais de 4 milhões de garrafas plásticas do meio ambiente. Assim, cerca de 2 milhões de torcedores já foram aos estádios paulistas, especialmente no Interior, através da ação.

"O que estiver a nosso alcance para que a torcida possa ir aos campos, que cada vez mais famílias frequentem os estádios paulistas, a Federação, enquanto eu presidir a entidade, vai fazer. O Futebol Sustentável é mais uma prova de como nossa gestão tem funcionado", disse Reinaldo Carneiro Bastos.