Liga dos Campeões: Desfalques importantes do PSG não iludem Zidane no Real Madrid

"Estamos no começo da temporada, mas espero muito das duas equipes. Se o time deles estivesse completo, seria melhor", completa Zidane

por Agência Estado

Campinas, SP, 17 - As ausências dos atacantes Neymar, Kyllian Mbappé e Edinson Cavani na equipe do Paris Saint-Germain não iludem o técnico francês Zinedine Zidane, do Real Madrid.

Ele prevê um difícil duelo nesta quarta-feira, às 16 horas (de Brasília), pela primeira rodada do Grupo A da Liga dos Campeões da Europa, no estádio Parque dos Príncipes, em Paris.

JOGO DURO

"Estamos no começo da temporada, mas espero muito das duas equipes. Se o time deles estivesse completo, seria melhor, mas a ambição do clube em vencer é muito grande e isso torna o jogo muito difícil para nós", afirmou o técnico francês, nesta terça-feira, em entrevista coletiva já na capital francesa.

MISTÉRIO

Detentor de três títulos consecutivos da competição (2016, 2017 e 2018), Zidane não revelou a escalação que vai colocar em campo, mas confirmou a presença do meia belga Eden Hazard.

"Eu sempre o considerei decisivo, que faz a diferença e ele já nos confirmou isso em pouco tempo no clube.

Acho que será muito importante em Madri e seu futuro será formidável", disse.

"Estamos preparados". (Foto: Site / Real Madrid)

ELOGIOS

Karim Benzema foi outro jogador bastante elogiado pelo treinador.

"Ele não é apenas um atacante. Trata-se de um jogador de equipe, que se preocupa com isso o tempo todo durante a partida. É um jogador fantástico", comentou Zidane.

"Ele está sempre motivado, mas amanhã (quarta-feira) ele terá um pouco mais (de motivação) por ter sido jogador do Lyon e jogar em Paris", ressaltou.

POSSIBILIDADE

Sobre a possibilidade de formar o trio ofensivo com o galês Gareth Bale, Zidane preferiu se esquivar.

"Soa bem (a escalação dos três), muito bom, vamos ver se eles jogarem nesta quarta-feira".

DESFALQUES

Zidane não terá Marcelo, Isco, Modric, Asensio, Valverde e Sergio Ramos para o jogo.

"Somos um grupo e temos que saber jogar sem alguns jogadores. Sempre nos adaptamos, nenhum jogador vai jogar todas, mas temos uma equipe muito boa e precisamos fazer o nosso melhor", completou.