Após troca de insultos entre torcidas, Uefa abre processo contra Celtic e Lazio

Os dois clubes serão julgados pela entidade no próximo dia 21 de novembro

por Agência Estado

São Paulo, SP, 30 - A Uefa confirmou nesta quarta-feira que abriu um processo disciplinar contra Celtic e Lazio, clubes que serão julgados pela entidade no próximo dia 21 de novembro depois que os seus torcedores trocaram insultos com gestos antifascistas e fascistas em uma partida entre as duas equipes na Liga Europa.

O confronto ocorreu no último dia 24 de outubro, no Estádio Celtic Park, em Glasgow, onde o time escocês venceu por 2 a 1 e se garantiu na liderança do Grupo E da competição continental, com sete pontos. Durante o jogo, torcedores da ala radical da equipe italiana, conhecidos como ultras, proferiram saudações e cânticos fascistas defendendo a extrema direita.

O Celtic, por sua vez, também enfrenta um processo disciplinar por exibir um "cartaz ilícito" e por "cânticos ilícitos", informou a Uefa. Neste cartaz, os torcedores do clube escocês mostraram uma imagem na qual retrataram a morte do líder fascista italiano Benito Mussolini.

Torcedores do Celtic provocam a torcida da Lazio
Torcedores do Celtic provocam a torcida da Lazio
Já a Lazio será julgada após membros de sua torcida protagonizarem saudações fascistas nas ruas de Glasgow e no estádio que abrigou o duelo entre o time de Roma e a equipe escocesa. Por isso, o clube italiano também terá de responder por "cânticos ilícitos".

NÃO É A PRIMEIRA VEZ
Anteriormente, a Uefa já havia ordenado o fechamento de um setor do Estádio Olímpico de Roma, onde na próxima semana a Lazio voltará a encarar o Celtic, pela quarta rodada deste Grupo E da Liga Europa.

Essa punição foi aplicada por causa de incidentes racistas envolvendo torcedores do time italiano na jornada anterior desta chave, no dia 3 de outubro, quando a equipe da casa superou o Rennes por 2 a 1.

Por causa da derrota na Escócia, a Lazio estacionou nos três pontos e ocupa a terceira posição do Grupo E da Liga Europa. O Cluj, da Romênia, é o atual vice-líder, com seis pontos, e fecha a zona de classificação à próxima fase do torneio.