LDU x Flamengo - Mengão quer liderança do primeiro turno e seguir 100%

Fora de casa, o time carioca tentará o terceiro triunfo em três jogos

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 03 (AFI) - Na noite da próxima terça-feira (04), LDU e Flamengo se encaram no estádio Casa Blanca, às 21h30, pela terceira rodada do Grupo G da Copa Libertadores, focando no topo da tabela.

No momento, o Mengão, que tem 100% de aproveitamento, ocupa a primeira posição, com seis pontos, enquanto os equatorianos, na segunda posição, têm quatro.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

DÚVIDAS!

Ciente das ausências de Rodrigo Caio, Gerson e Thiago Maia, o técnico Rogério Ceni segue com algumas dúvidas para o próximo duelo pela Libertadores.

As principais estão no setor defensivo e de meio-campo, já que o treinador ainda pensa em começar com Bruno Viana de titular no lugar de Gustavo Henrique. Além disso, Hugo Moura poderá ser titular na vaga de João Gomes.

JOGADOR A MAIS

Para o duelo, o Flamengo terá que lutar contra um adversário a mais em campo: a altitude. O estádio de Casa Blanca, situado em Quito, capital do Equador, está a 2.734 metros acima do nível do mar.

Invicta na temporada, a LDU quer mais e buscará a liderança atuando em casa. No momento, o time tem quatro pontos, dois a menos que a equipe carioca.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
3ª rodada
Data
04/05/2021
Horário
21h30
Local
Casa Blanca - Quito (ECU) ()
Árbitro
Esteban Ostojich (URU)

Assistentes
Nicolás Taran e Martín Soppi (URU)

Cartões Amarelos
LDU-EQU: Caicedo, Alcívar, Piovi
Flamengo-BRA: Gabigol, Diego, Hugo Souza

Gols
LDU-EQU: Martinez 6' 2T, Amarilla 16' 2T
Flamengo-BRA: Gabigol 3' 1T, Bruno Henrique 29' 1T, Gabigol 39' 2T
LDU-EQU
Gabbarini;
Luis Caicedo (Muñoz), Ordóñez e Corozo(Quintetos);
Perlaza, Alcívar, Piovi (Espinoza), Zunino (Amarilla) Arce e Cruz (Ayala); Borja
Técnico: Pablo Repetto
Flamengo-BRA
Diego Alves (Hugo Souza);
Isla, Willian Arão, Bruno Viana (Gustavo Henrique) e Filipe Luís;
João Gomes (Hugo Moura), Diego, Everton Ribeiro (Vitinho) e Arrascaeta;
Bruno Henrique e Gabriel (Renê).
Técnico: Rogério Ceni