Palmeiras 5 x 0 Tigre-ARG - Verdão lava a alma e confirma melhor campanha da Liberta

O time paulista fez um grande segundo tempo e acabou reencontra a vitória

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 21 (AFI) - O Palmeiras lavou a alma ao quebrar uma série de quatro derrotas consecutivas, todas no Brasileirão, ao derrotar o Tigre pelo placar de 5 a 0 na noite desta quarta-feira, no Allianz Parque, pela última rodada da Primeira Fase da Copa Libertadores da América. Após um primeiro tempo de altos e baixos, o time paulista voltou com outra postura na etapa final e acabou confirmando a melhor campanha do torneio.

Com o resultado, o Palmeiras acabou a primeira fase na liderança do Grupo B, com 16 pontos, a melhor campanha entre todos os participantes. O segundo é o Guaraní, que ficou no empate por 1 a 1 com o eliminado Bolívar. O Tigre ficou em último, com apenas um ponto.

VEJA OS GOLS DO PALMEIRAS

Agora, o Palmeiras terá que aguardar para saber seu adversário nas oitavas de final, em sorteio a ser realizado na próxima sexta-feira. O time paulista está no pote A e enfrentará um dos segundos colocados, todos no pote B.

JOGO ACIRRADO!
Sob o comando de Andrey Lopes, o Palmeiras foi escalado com muitos jogadores oriundos das categorias de base, a exceção foi Patrick de Paula, como opção no banco. Os minutos iniciais foram de estudo. O time paulista demorou a engrenar e chegou a ser ameaçado pelo adversário. Viña recuou errado e deu a bola de presente para Morales, que ficou na defesa do goleiro Weverton.

Palmeiras espanta a crise
Palmeiras espanta a crise

O Palmeiras foi crescendo aos poucos, principalmente pelas laterais. E foi por aí que o time paulista enfim conseguiu abrir o marcador. Aos 33 minutos, Weverton acionou Wesley, que ganhou do adversário e disparou em velocidade. O atacante cruzou para Raphael Veiga. Dentro da área, o meia dominou, escolheu o conto e jogou no fundo das redes.

DESLANCHOU!
O Palmeiras cresceu nos minutos finais, mas foi ampliar o placar apenas na segunda etapa. Gabriel Menino invadiu a área e acabou derrubado, pênalti.

Luiz Adriano foi para a cobrança, mas parou na defesa de Zenobio, que mandou para escanteio. O ala direito do time paulista bateu na cabeça de Gustavo Gómez, que marcou.


APERTOU O PASSO
Com um adversário fragilizado, o Palmeiras apertou e marcou o terceiro aos 20 minutos. Luiz Adriano fez o pivô e deixou com Wesley. O atacante deu um belo passe para Zé Rafael, que chuta rasteiro para manda a bola no fundo das redes.

E não parou por aí. Aos 29, Danilo deu belo cruzamento para Rony. O atacante disparou e tocou mascado para Gabriel Verón. Em cima da linha, o garoto só empurrou.

Entregue, o time argentino não conseguiu fazer frente e ainda viu o Palmeiras fazer o quinto aos 35 minutos. Viña fez grande jogada pelo lado esquerdo e deu de bandeja para Rony. O atacante ampliou. Depois foi só segurar para confirmar grande vitória e afastar a crise do Palestra Itália.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
6ª rodada
Data
21/10/2020
Horário
21h30
Local
Allianz Parque - São Paulo (SP)
Árbitro
Esteban Ostojich (URU)

Assistentes
Nicolas Taran (URU) e Richard Trindad (URU)

Cartões Amarelos
Palmeiras-BRA: Viña, Zé Rafael
Tigre (ARG)-ARG: Melivillo, Leizza, Cardozo, Kestler

Gols
Palmeiras-BRA: Raphael Veiga 33' 1T, Gustavo Gómez 8' 2T, Zé Rafael 20' 2T, Gabriel Verón 29' 2T, Rony 35' 2T
Palmeiras-BRA
Weverton;
Gabriel Menino (Mayke), Felipe Melo, Gustavo Gómez (Emerson Santos) e Viña;
Danilo, Zé Rafael (Ramires) e Raphel Veiga;
Gabriel Veron, Wesley (Rony) e Luiz Adriano (Willian)
Técnico: Andrey Lopes (interino)
Tigre (ARG)-ARG
Felipe Zenobio;
Galmarini, Giacopuzzi, Rodríguez (Martínez) e Leizza (Becker);
Cardozo, Morales, Monteseirín, Gallardo (Bolaño) e Melivilo;
Magnín (Kestler)
Técnico: Néstor Gorosito