Santos x Olímpia-PAR - De volta a Libertadores, Peixe tenta manter 100% de aproveitamento

Neste terça-feira (15), às 21h30, o time paulista recebe o Olímpia, do Paraguai, no Estádio da Vila Belmiro, na retomada da competição

por Agência Futebol Interior

Santos, SP, 14 (AFI) - Muita coisa mudou desde que o Santos entrou em campo pela última vez na Libertadores. Com técnico novo, mudanças na equipe titular e seis meses depois por conta da pandemia do novo coronavírus, o Peixe deixa o Brasileirão 'um pouco de lado' e volta as suas atenções para se manter com 100% de aproveitamento e na briga pela classificação às oitavas de final no Grupo G. Neste terça-feira (15), às 21h30, o time paulista recebe o Olímpia, do Paraguai, no Estádio da Vila Belmiro, em jogo válido pela terceira rodada.

O Santos busca manter a boa fase do Campeonato Brasileiro na Libertadores. A equipe alvinegra venceu as duas rodadas iniciais e está invicta da competição sul-americana, na liderança do Grupo G, com seis pontos. Já no Brasileirão, a equipe santista vem de quatro jogos sem derrota, com duas vitórias e dois empate, um deles neste último sábado no clássico contra o São Paulo. Atualmente, está na sétima colocação.

O Santos vem de um empate contra o São Paulo no Brasileirão
O Santos vem de um empate contra o São Paulo no Brasileirão
O Olimpia, assim como o adversário desta terça-feira, também busca manter a boa fase do Campeonato Paraguaio. A equipe está na terceira colocação do torneio nacional, atrás de Libertad e Cerro Porteño. Na Libertadores, se encontra atrás do Santos, com quatro pontos, mas também está invicto. Isso porque venceu na primeira rodada e empatou na segunda. Por enquanto, aparece como principal adversário do Peixe na briga pelas duas vagas.

SANTOS
Depois de poupar o meia-atacante Soteldo e o atacante Marinho no clássico contra o São Paulo no último final de semana, os dois são as grandes armas do Santos na busca por um bom resultado. Para o duelo, o técnico Cuca não poderá coontar com o atacante Kaio Jorge, que recentemente foi diagnosticado com covid-19 e está afastado do restante do elenco, cumprindo quarentena.

Por outro lado, o também atacante Raniel que também testou positivo para a doença há duas semanas, fez um novo exame neste começo de semana e caso esteja livre do vírus deve ir a campo e começar como titular. Caso não tenha condições de jogo, Lucas Braga deve fazer a formação titular do ataque com Soteldo e Marinho.

OLÍMPIA
Focado em surpreender o Santos dentro da Vila Belmiro, o Olímpia desembarcou em São Paulo durante a tarde desta segunda-feira. O duelo pode marcar o reencontro do time com o atacante Derlis González, que jogou no clube entre 2018 e 2019. Porém, o ex-atleta do Peixe, é uma das dúvidas do time paraguaio para a partida. Isso porque ficou afastado dos treinos nos últimos 15 dias por conta de uma tendinite aguda e ainda não sabe se irá atuar. Mesmo assim, ele fez uma análise da partida.

“O jogo desta terça será muito difícil, mas nós queremos um resultado positivo para seguir na luta pela classificação para a segunda fase. Fizemos uma preparação especial e vejo nosso grupo focado para lutar pelos três pontos. Não sei se vou jogar, mas vou fazer de tudo para conseguir entrar pelo menos por alguns minutos para reencontrar minha antiga equipe”, disse o atacante.

No mais, a equipe não deve ter grandes mudanças, afinal no jogo de Campeonato Paraguaio no último final de semana, em que venceu o River Plate-URU, por 4 a 0, alguns nomes foram poupados visando a retomada da Libertadores.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
3ª rodada
Data
15/09/2020
Horário
21h30
Local
Vila Belmiro - Santos (SP)
Árbitro
Leodán González (URU)

Assistentes
Nicolás Tarán (URU) e Richard Trinidad (URU)

Cartões Amarelos
Santos-BRA: Marinho
Olimpia-PAR: Candia, De La Cruz

Cartões Vermelhos
Olimpia-PAR: Rojas
Santos-BRA
João Paulo;
Pará (Madson), Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonathan (Jean Mota);
Alison (Lucas Lourenço), Diego Pituca e Carlos Sanchez;
Raniel (Marcos Leonardo), Soteldo e Marinho
Técnico: Cuca
Olimpia-PAR
Azcona;
Otálvaro, Leguizamón, Alcaraz e Iván Torres (Arias);
Ortiz, Rodrigo Rojas, Candia (De La Cruz), Alejandro Silva (Derlis González) e Camacho (Caballero);
Roque Santa Cruz (Pitta)
Técnico: Daniel Garnero