Internacional x América de Cali-COL - Colorado tenta manter ponta também na Libertadores

Apesar do bom momento, o time de Eduardo Coudet tem várias mudanças por conta de suspensões e contusões

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 15 (AFI) - Isolado na liderança do Brasileirão, apesar da derrota para o Goiás na rodada passada, o Internacional retoma as suas atenções para a Libertadores, depois de seis meses parada por conta da pandemia do novo coronavírus. Assim como na competição nacional, o Colorado tenta manter a ponta do Grupo E, que tem o arquirrival Grêmio na cola. Nesta quarta-feira (16), o time gaúcho recebe o América de Cali, da Colômbia, às 19h15, no Estádio Beira-Rio, pela terceira rodada.

Com um empate sem gols com muita polêmica na última rodada, antes da paralisação, em um Gre-Nal contra o Grêmo, a equipe colorada não perdeu nas duas primeiras rodadas da competição sul-americana e é líder do “Grupo E”, com quatro pontos, mesma pontuação de seu rival gaúcho, que se encontra em segundo lugar.

O América de Cali não vive boa fase no Campeonato Colombiano. A equipe está na nona colocação do torneio nacional, com 12 pontos em oito rodadas e não vence faz três jogos. Na Libertadores, o aparece na terceira colocação, com três pontos. Isso porque venceu na primeira rodada e perdeu na segunda para o Grêmio.

Internacional e América de Cali se enfrentam na volta da Libertadores
Internacional e América de Cali se enfrentam na volta da Libertadores
INTERNACIONAL
Com um treino em seu CT, ao lado do Estádio do Beira-Rio, palco da partida desta quarta-feira (16), o Internacional encerrou a sua preparação para encarar o América de Cali. Para a partida, o técnico Eduardo Coudet, apesar dos muitos desfalques, tem apenas uma dúvida para escalar o time titular. Depois de confirmar Johnny na primeira linha de meio-campo, Nonato e Lindoso disputam a outra vaga ao lado de Boschilia e Patrick.

No ataque, Abel Hernández será o titular ao lado de Thiago Galhardo. D'Alessandro aparece como uma alternativa, caso Coudet tente surpreender o time colombiano com uma mudança em cima da hora. No setor defensivo não há dúvidas. Com Victor Custa e Moisés suspenso, Rodrigo Moledo e Uendel ganham a titularidade. Também não podem atuar: Musto, Edenílson, Praxedes e Marcos Guilherme - suspensos - e Paolo Guerrero, João Peglow, Yuri Alberto e William Pottker - lesionados.

AMÉRICA DE CALI
O América de Cali chega muito diferente do que era antes da paralisação por conta da pandemia do novo coronavírus. Começando pelo banco de reservas, onde Alexandre Guimarães deixou o cargo de técnico e Juan Cruz Real assumiu a equipe. Ao todo, desde que começou a treinar: apenas em julho, o time colombiano entrou em campo duas vezes de forma oficial. Ambas nos jogos das finais da Superliga Colombiana, contra o Júnior de Barranquilla, onde ficou com o vice-campeonato.

Apesar das mudanças, o comandante falou sobre as dificuldades que sabe que irá encontrar contra o Inter. "O Inter tem um grande time. O plantel é muito forte e irá lutar para conquistar a Libertadores. Faz uma grande campanha no torneio local, onde é o líder. Sabemos que enfrentaremos um time forte, mas precisamos fazer nosso trabalho".

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
3ª rodada
Data
16/09/2020
Horário
19h15
Local
Beira-Rio - Porto Alegre (RS)
Árbitro
Facundo Tello (ARG)

Renda
--
Assistentes
Gabriel Chade e Facundo Rodríguez (ARG)

Público
Portões Fechados
Gols
Internacional-BRA: Abel Hernández 1' 1T, Boschilia 18' 1T, Abel Hernández 31' 1T, Boschilia 45' 2T
América de Cali-COL: Vergara 27' 1T, Ramos 3' 2T, Moreno 32' 2T
Internacional-BRA
Marcelo Lomba;
Saravia, Rodrigo Moledo, Zé Gabriel e Uendel;
Rodrigo Lindoso (D’Alessandro), Nonato (Johnny), Patrick e Boschillia (Lucas Ribeiro);
Thiago Galhardo e Abel Hernández (Leandro Fernández).
Técnico: Eduardo Coudet
América de Cali-COL
Chaux;
Ureña, Marlon Torres, Segovia e Velasco;
Paz (Jaramillo), Carrascal, Sierra (Arias), Vergara e Juan Pérez (Moreno);
Adrián Ramos.
Técnico: Juan Cruz Real