Cerro-URU revela que foi roubado antes de decisão pela Libertadores

Equipe deu conta de falta de chuteiras, bolas e uniformes antes de duelo

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - O sonho de avançar de fase da Libertadores se transformou em pesadelo para o Cerro Largo, do Uruguai, que faz sua estreia no torneio nacional. Neste domingo, em suas redes sociais, a equipe anunciou que teve todo equipamento que seria usado no torneio foi roubado.

O Cerro Largo enfrentará o Palestino, do Chile, nesta quarta-feira, fora de casa. Na primeira partida, as equipes empataram por 1 a 1. Pelo seu Twitter, o clube afirmou que teve subtraído bolas oficiais da Conmebol, chuteiras e uniformes que seriam usados na partida.

Além de comunicar o roubo, o clube também pediu ajuda para tentar recuperar os equipamentos. Por mesmo que usem o mesmo uniforme, a Conmebol exige que os clubes que disputem suas competições tenham uniformes exclusivos. A diferença é apenas a marca da competição continental.

Vale lembrar que o Cerro Largo, do Uruguai, pode ser adversário do Corinthians na próxima fase da Libertadores. Caso passe pelo Guarani, do Paraguai, na próxima quarta-feira, o Timão encara o vencedor do duelo entre Cerro e Palestino.