Campeão mundial com Espanha revela desejo de disputar Libertadores: “Seria um prazer"

"Acho que o Campeonato Argentino é muito competitivo. Uma liga muito agressiva", disse o volante Cesc Fábregas, de 32 anos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 06 (AFI) - O futebol sul-americano parece ter se consolidado como destino para veteranos atletas que desejam encerrar a carreira competindo em alto nível. Depois de o volante italiano De Rossi acertar com o Boca Juniors e o lateral-direito espanhol Juanfran chegar ao São Paulo, o próximo pode ser o volante espanhol Cesc Fábregas, de 32 anos.

Campeão mundial com a Seleção da Espanha, em 2010, o meio-campista, que está no Monaco, da França, e soma passagens por Barcelona, Chelsea e Arsenal, declarou que pretende disputar a Copa Libertadores da América. Além disso, deseja atuar por um clube argentino.

"Acho que o Campeonato Argentino é muito competitivo. Uma liga muito agressiva, com jogadores muito talentosos. Seria um prazer jogar lá. (Sobre a Libertadores) é uma competição que agrada muito e parece muito com a Champions. Especialmente quando as equipes mais poderosas chegam às finais. Acho que é uma competição que agrada muito aqui na Europa", disse em entrevista à emissora Super Deportivo Radio.

Cesc Fábregas, com a camisa 10, conquistou a Copa do Mundo de 2010 com a Seleção Espanhola - Foto: Divulgação / FIFA
Cesc Fábregas, com a camisa 10, conquistou a Copa do Mundo de 2010 com a Seleção Espanhola - Foto: Divulgação / FIFA
O jogador ainda foi questionado se preferiria vestir as cores de River Plate ou Boca Juniors. Ele se esquivou da pergunta.

"Eu não vou escolher, a paixão que ambos têm é sensacional. Eu fui ver a final (da Libertadores) em Madri. Fui como torcedor e adorei. Também treinamos com a Seleção Espanhola na Bombonera e eu adorei. Não vou optar por um ou outro, foram duas experiências incríveis", completou.