Libertadores: Presidente do Godoy Cruz diz que time pode surpreender Palmeiras

"Nas oitavas de final que jogamos anteriormente com Grêmio consideramos que era impossível, depois estivemos muito perto"

por Agência Estado

Campinas, SP, 14 - O presidente do Godoy Cruz, José Mansur, afirmou nesta terça-feira que confia na possibilidade de o time surpreender o Palmeiras nas oitavas de final da Copa Libertadores, em julho. O dirigente argentino avalia que a equipe está preparada e mais experiente depois de em 2017 ter participado também do mata-mata da competição e quase ter chegado às quartas de final.

OTIMISMO

"Será um jogo complexo, difícil. Mas tudo agrega para a experiência que estamos levando para nossa instituição. Isso nos faz crescer", disse Mansur em entrevista ao canal argentino TyC.

O dirigente disse que em 2017 o clube esteve perto de conseguir tirar nas oitavas de final o Grêmio, que pouco depois se tornou campeão da competição. A experiência acumulada naquela ocasião serve de auxílio ao time.

Na fase de grupos, o Godoy Cruz superou Universidad Concepción, do Chile, e Sporting Cristal, do Peru, para ficar com a segunda vaga. (Foto: Divulgação)
Na fase de grupos, o Godoy Cruz superou Universidad Concepción, do Chile, e Sporting Cristal, do Peru, para ficar com a segunda vaga. (Foto: Divulgação)

PREPARAÇÃO

"Essa espécie de jogo se pode brigar. Nas oitavas de final que jogamos anteriormente com Grêmio consideramos que era impossível e depois estivemos muito perto (de se classificar). Vamos nos preparar para brigar", afirmou Mansur.

Na fase de grupos, o Godoy Cruz superou Universidad Concepción, do Chile, e Sporting Cristal, do Peru, para ficar com a segunda vaga. O líder da chave foi o Olimpia, do Paraguai.

REFORÇOS

A equipe argentina vai encontrar o Palmeiras no dias 23 e 30 de julho. O presidente do Godoy Cruz contou que pretende avaliar a contratação de possíveis reforços.

"Para nossa forma de ser, vamos manter a maioria do elenco. Obviamente vamos tentar de nos reforçar também", comentou.