River Plate diz que também vai recorrer contra decisões da Conmebol

A Conmebol definiu que o River vai ter que disputar com portões fechados suas duas próximas partidas em casa

por Agência Estado

São Paulo, SP, 30 - Assim como o Boca Juniors, o River Plate ficou insatisfeito com as decisões anunciadas pela Conmebol na quinta-feira. A entidade transferiu o segundo jogo da final da Copa Libertadores para a cidade de Madri, na Espanha, e aplicou punições ao clube argentino em razão do ataque dos seus torcedores ao ônibus da equipe rival antes do jogo marcado para sábado passado.

"O Club Atlético River Plate informou que vai apresentar os recursos e apelações pertinentes contra as resoluções anunciadas pela Conmebol e seu Tribunal Disciplinar, em relação à mudança na sede da final da Copa Libertadores 2018, à multa e à proibição de jogar diante de sua torcida em duas partidas das competições da Conmebol", anunciou o clube de Buenos Aires, em comunicado.

River Plate diz que também vai recorrer contra decisões da Conmebol
River Plate diz que também vai recorrer contra decisões da Conmebol
Na quinta, pouco depois de anunciar a final no estádio do Real Madrid, a Conmebol definiu que o River vai ter que disputar com portões fechados suas duas próximas partidas em casa por competições da entidade. Além disso, será obrigado a pagar uma multa de US$ 400 mil (cerca de R$ 1,54 milhão).

As punições são relativas ao ataque dos torcedores ao ônibus que levava os jogadores do Boca para o segundo jogo da final da Libertadores, que deveria ter sido disputado no sábado, no Monumental de Núñez. Dois jogadores ficaram machucados por pedras arremessadas contra o veículo. Além disso, parte do elenco foi afetada por gás de pimenta também lançado contra o ônibus.

Por consequência, a partida não pôde ser realizada no sábado. Chegou a ser adiada para domingo, mas foi novamente descartada. Nesta terça, a Conmebol anunciou que o jogo seria disputado fora da Argentina nos dias 8 ou 9 de dezembro. Na quinta, a entidade confirmou que a partida decisiva será no dia 9, no estádio Santiago Bernabéu.

 
 
" />