Italiano: 'Não sou obcecado por prêmios individuais', diz Cristiano Ronaldo

O atacante português, atualmente na Juventus, teria ficado irritado por não ter vencido o prêmio de melhor do mundo

por Agência Estado

São Paulo, SP, 31 - Sem levantar um troféu individual de prestígio neste ano, Cristiano Ronaldo garantiu nesta segunda-feira que não é "obcecado" por premiações individuais. O atacante português, atualmente na Juventus, teria ficado irritado por não ter vencido o prêmio de melhor do mundo e nem a Bola de Ouro deste ano, segundo a imprensa europeia.

Mas ele desmentiu estas especulações, em entrevista ao jornal português Record, neste último dia do ano. "Não sou um obcecado com os prêmios individuais. O mais importante é ganhar troféus coletivos e ajudar a equipe. O resto vem de forma natural", declarou o jogador.

"Nem sempre penso em bater recordes, trabalho principalmente para ajudar o clube e estar em meu melhor nível", reforçou o atacante, que liderou o Real Madrid na conquista do tricampeonato da Liga dos Campeões da Europa, em maio. Na janela de transferências do meio de ano, ele foi contratado pela Juventus.

Cristiano Ronaldo com a camisa da Juventus
Cristiano Ronaldo com a camisa da Juventus
Apesar das boas performances na Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo não conseguiu levar novamente a Bola de Ouro, premiação que já faturou por cinco vezes. Tampouco levou o prêmio de melhor do mundo da Fifa. O volante croata Luka Modric, seu ex-parceiro de Real Madrid, faturou as duas premiações, as maiores do mundo no futebol.

O CARA
Aos 33 anos, e com um currículo recheado de conquistas individuais e coletivas, Cristiano Ronaldo garantiu que mantém a motivação para buscar novos troféus. E admitiu, na entrevista, que a concorrência é cada vez maior.

"O nível técnico, tático e físico de todas as equipes é cada vez melhor. Cada vez é mais difícil ganhar. Assim, tenho que seguir trabalhando duro para seguir no topo", declarou o português.

 
 
" />