Allegri alerta Juve para não repetir vacilo de derrota para o United: 'Dormimos'

Allegri fez este alerta ao exaltar a evolução do Valencia, que vem crescendo após amargar um início de temporada europeia ruim

por Agência Estado

São Paulo, SP, 26 - A Juventus abriu esta Liga dos Campeões derrotando o Valencia por 2 a 0, na Espanha, e agora reencontrará o rival nesta terça-feira, às 18 horas, em Turim, na Itália, pela penúltima rodada do Grupo H da competição continental. O time espanhol somou apenas cinco pontos em quatro jogos até aqui no torneio, mas o técnico Massimiliano Allegri não se ilude com o favoritismo de sua equipe e aproveitou a entrevista coletiva que concedeu nesta segunda para alertar os seus comandados sobre a necessidade de não voltar a vacilar como ocorreu na jornada anterior, contra o Manchester United.

No último dia 7, a Juventus vencia o rival inglês até os 40 minutos do segundo tempo, quando Mata empatou o jogo em Turim, onde o brasileiro Alex Sandro marcou um gol contra aos 44 e concretizou de maneira infeliz a improvável vitória por 2 a 1 dos visitantes.

Allegri fez este alerta ao exaltar a evolução do rival espanhol, que vem crescendo após amargar um início de temporada europeia muito ruim. "O Valencia só perdeu um dos seus últimos dez jogos, está em um momento psicológico distinto em relação ao do jogo de ida (desta fase)", afirmou o treinador, que depois destacou: "Será difícil porque eles podem manter em aberto a passagem de fase. Temos de ter cuidado e não dormir como dormimos nos últimos cinco minutos do jogo contra o United".

O comandante também confirmou que promoverá os retornos de Matuidi e Chiellini ao time titular, mas reconheceu que será complicado deixar alguns jogadores no banco de reservas da equipe, que ele adiantou que escalará no esquema 4-3-3. "Volta Matuidi, volta Chiellini, mas deixar fora Cuadrado, Douglas Costa ou Rugani não é fácil, porque todos estão bem em nível físico e mental", destacou.

Os alemães Sami Khedira e Emre Can e o italiano Federico Bernardeschi, todos lesionados, acabaram ficando fora do grupo de relacionados para este duelo da Juventus, que lidera o Grupo H da Liga dos Campeões, com nove pontos, dois à frente do Manchester United, vice-líder. A tendência é a de que Allegri mande o seu time a campo com a seguinte formação: Szczesny; Cancelo, Bonucci, Chiellini e Alex Sandro; Matuidi, Pjanic e Bentancur; Dybala, Mandzukic e Cristiano Ronaldo.

 
 
" />