Preparador de goleiros, Rinaldo Ferreira celebra terceiro acesso em Brasileiros

Símbolo de experiência, profissional tem passagem de sucesso por Grêmio Barueri e Ituano

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 16 (AFI) - O Ituano realizou ótima temporada 2019. O Galo se classificou em primeiro do Grupo D no Campeonato Paulista e chegou até às quartas de final, enquanto na Série D do Campeonato Brasileiro carimbou acesso à Série C após longos 11 anos, alcançando a semifinal.

Na campanha do torneio nacional, um dos pontos forte do time paulista foi o setor defensivo. Em 14 jogos, o setor sofreu somente nove gols. Um dos profissionais responsável por realizar tal trabalho é Rinaldo Ferreira, preparador de goleiros, já na sexta temporada pelo clube.

"Foi um ano muito positivo para todos nós da comissão técnica, jogadores e, principalmente, para o clube, que alcançou o acesso, objetivo traçado anteriormente. Fico muito feliz com as atuações da equipe durante o ano todo", comentou.

Ferreira é o responsável pela preparação dos goleiros do Ituano há seis anos
Ferreira é o responsável pela preparação dos goleiros do Ituano há seis anos

Com o acesso à Série C, Ferreira fecha o ano com acessos em todas as divisões do futebol nacional. Vale lembrar que o profissional já havia conquistado tal feito no comando do Grêmio Barueri, escalando do terceiro patamar à elite.

Além disso, pelo próprio clube da Grande São Paulo, alcançou ascensão meteórica em nível estadual: saiu da Segundona e chegou à Série A1.

À época, teve o goleiro Renê eleito o melhor goleiro da Série B do Brasileiro, além ter tido a oportunidade de trabalhar com Márcio e Oliveira pelo Barueri - no Ituano, esteve junto de Vagner, Fábio e Pegorari.

"São dois clube no qual tenho um grande tempo de trabalho. No Barueri, foram mais de oito anos e muitas conquistas ao lado de ótimos goleiros. Agora, no Ituano, já são outros seis e também trabalhando com grandes profissionais, sendo coroados com conquistas", celebrou o preparador.

"Então me sinto feliz em poder fazer o que mais gosto e de saber que eles podem ser decisivos em uma partida. Na verdade, estão preparados para isso", emendou.

AS CONQUISTAS DE RINALDO FERREIRA:

Além do Ituano, o preparador de goleiros foi ex-atleta profissional e jogou em Oeste, Matonense, Anapolina, Anápolis e Apucarana.

Já na função fora das quatro linhas, trabalhou em Grêmio Barueri, Francana, Internacional de Limeira, Roma de Apucarana, Roma Barueri, São José, Ferroviária, Atlético Goianiense e Olimpia.

Ferreira alcançou trabalho de destaque no Ituano, clube pelo qual foi à semifinal da Série D de 2019, com acesso à Série C; quartas de final do Campeonato Paulista de 2019; campeão do Troféu do Interior de 2017; vice-campeão da Copa Paulista de 2015; campeão do Campeonato Paulista de 2014; e oitavas de final da Copa do Brasil de 2013.

Ferreira concluiu curso de Licença na CBF no ano passado
Ferreira concluiu curso de Licença na CBF no ano passado

Em oito anos de Grêmio Barueri, conquistou acesso da Segunda Divisão à Série A3 e, na sequência, foi campeão, com acesso à Série A2 - o mesmo roteiro foi desenhado até ir à elite estadual, sendo coroado com a taça do Troféu do Interior.

Em nível nacional, foram mais dois acessos: da C para B, com Renê eleito o melhor da posição, e da B para A.

Em 2000, foi vice-campeão paulista da Série A2 e acesso.

No Roma de Apucarana, subiu à primeira divisão do Campeonato Paranaense, além de ter sido campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, de forma invicta, pelo Roma de Barueri - o goleiro Gleidson foi o menos vazado na competição de base.

NETWORKING

O preparador de goleiros trabalhou com vários treinadores do país, tais como como Vinícius Bergantin, atualmente no Ituano, além de Tarcísio Pugliesi, Doriva, Mauro Fernandes, Estevam Soares, Marcelo Villar, Sérgio Soares, Wagner Benazzi, Márcio Araújo e René Simões.

Profissional registrado no Conselho Regional de Educação Física, Ferreira concluiu a Licença A Curso da CBF Academy em 2018.