Após novo empate, artilheiro pede mudança do Internacional: "Temos que ser malandros"

O Colorado havia sofrido um gol nos acréscimos na rodada passada, contra o Palmeiras

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 06 9AFI) - Assim como aconteceu na rodada passada, o Internacional viu a vitória escapar nos minutos finais neste domingo, ao sofrer o empate do Bahia, no Beira-Rio. Isso, inclusive, foi alertado pelo artilheiro Thiago Galhardo.

"Uma desatenção nossa mais uma vez. Temos que ser malandros, saber segurar o jogo. Perdemos mais uma vez no final. Não temos tempo para lamentar, pois quinta temos o Ceará pela frente e jogando em casa precisamos da vitória", disse Galhardo.

Thiago Galhardo lamentou novo tropeço do Internacional (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Thiago Galhardo lamentou novo tropeço do Internacional (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

FALSO NOVE
Meia de origem, o jogador passou a ser usado pelo técnico Eduardo Coudet como "falso 9" desde a contusão de Paolo Guerrero, que precisou passar por uma cirurgia no joelho e só volta aos gramados no ano que vem.

CONTA DO RECADO
E Galhardo vem dando conta do recado. Com o gol marcado neste domingo, ele chegou as seis e segue na artilharia isolada do Brasileirão, seguido de perto por Cano, do Vasco da Gama.

Com o empate por 2 a 2, o Internacional chegou aos 17 pontos e segue na liderança isolada, mas viu o São Paulo encostar. O time paulista tem 16 depois de ter vencido o Fluminense, por 3 a 1, no Morumbi.

COUDET FALA EM MALANDRAGEM