Gaúcho: Peglow sofre lesão na coluna e só volta a jogar pelo Inter daqui a 2 meses

O jogador foi um dos destaques da conquista de Seleção Brasileira no Mundial Sub 17

por Agência Estado

Campinas, SP, 24 (AFI) - O atacante Peglow vai desfalcar o Internacional nos próximos dois meses. O jogador, de 18 anos, um dos destaques da conquista do Mundial pela seleção brasileira sub-17, foi diagnosticado com uma fissura por estresse em uma das vértebras da coluna lombar.

Uma das promessas da equipe gaúcha para 2020 e recém-promovido para o elenco principal, Peglow será submetido a um tratamento clínico e exercícios físicos específicos para buscar a correção da lesão, segundo comunicado do clube.

O técnico Eduardo Coudet não relacionou o jogador para a partida de estreia do Internacional no Campeonato Gaúcho, quinta-feira, em Caxias do Sul, contra o Juventude, na qual o Inter venceu por 1 a 0.

Além de Peglow, outro atacante em tratamento médico é William Pottker. Marcos Guilherme, Paolo Guerrero, Netto e Wellington Silva são as opções do treinador argentino para as próximas rodadas. A diretoria procura um jogador para o setor.

Quem comemora o bom momento é Martín Sarrafiore, um dos melhores em campo no triunfo sobre o Juventude. Com Coudet, o meia argentino atuou mais avançado e mostrou qualidades para armar jogadas.

"A verdade é que me senti muito cômodo. Estou aqui para ajudar o time. A posição nova que tenho feito acho que posso fazer da melhor maneira, mas posso também jogar em outra posição", disse Sarrafiore, nesta sexta-feira, em entrevista coletiva.

Com participação inconstante no ano passado, o meia festejou a atuação durante todo o tempo em Caxias. "Sempre o jogador precisa jogar, mas eu estou feliz pelo time ter conquistado a vitória. Completar 90 minutos é muito importante. Fiz a pré-temporada muito bem. Estou me sentido bem e assim é muito mais fácil."

O Internacional volta a jogar neste domingo, pela segunda rodada do Gaúcho, às 19h, diante do Pelotas, no Beira-Rio.