Treinador vê elenco do Internacional com emocional abalado após nova derrota

Zé Ricardo acredita que o Colorado estava muito melhor até levar o primeiro gol do Goiás

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 27 (AFI) - O técnico Zé Ricardo voltou a falar sobre a questão emocional dos jogadores colorados após um novo tropeço no Brasileirão. Na noite desta quarta-feira, o Inter perdeu para o Goiás, por 2 a 1, em pleno Beira-Rio, pela 35ª rodada.

"Precisamos tratar bem nosso emocional, porque temos que saber reverter situações difíceis, como aconteceu hoje. É um resultado que abala a gente, que ninguém esperava. Mas não vai ter jeito. Precisamos reagir", disse o treinador.

BOM COMEÇA, MAS...
Ao analisar a partida desta quarta-feira, Zé Ricardo acredita que o Internacional vinha sendo muito superior até sofrer o primeiro gol. Na etapa final, ele reconheceu que o time não foi bem e ainda deu espaços para os contra-ataques do Goiás.

Inter sofreu com contra-ataques
Inter sofreu com contra-ataques
"A gente vinha fazendo um belíssimo primeiro tempo até o gol do Goiás. Depois, continuamos pressionando, mas o Tadeu estava em mais uma noite feliz.

No segundo tempo, a gente não rendeu o que poderia e oferecemos o que o Goiás mais queria, que era o contra-ataque", comentou Zé Ricardo.

BICO FECHADO
Nenhum jogador quis falar com a imprensa na saída do gramado. Após o apito final, os mais de 20 mil presentes no Beira-Rio não economizaram nas vaias e nos gritos de "time sem vergonha".

Sem vencer há três jogos, o Internacional tem 51 pontos e volta a campo no sábado, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro, pela 36ª rodada.