Em nota, Inter nega assinatura de carta de intenção ou acordo com treinador argentino

Uma comitiva de dirigentes foi a Buenos Aires para apresentar uma proposta ao treinador, que tem contrato com o Racing

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 18 - Atento ao mercado em busca de um técnico para substituir Odair Hellmann, demitido há pouco mais de uma semana, o Internacional publicou uma nota nesta sexta-feira negando que houve acordo entre o clube e o técnico Eduardo Coudet, do Racing, atual campeão argentino. O clube gaúcho afirma que não há, também, a existência de uma carta de intenção.

"O Sport Club Internacional esclarece não ser verdadeira a existência de qualquer assinatura de contrato ou carta de intenção com o técnico Eduardo Coudet ou qualquer outro profissional. Qualquer informação ou notícia nesse sentido não é procedente", comunicou o clube gaúcho em seu site oficial.

COMITIVA

Coudet está na mira do Inter
Coudet está na mira do Inter

Uma comitiva de dirigentes foi a Buenos Aires no início da semana para apresentar uma proposta ao treinador, que tem contrato com o Racing até junho de 2020.

Os cartolas colorados voltaram animados do país vizinho na quarta-feira.

No entanto, no dia seguinte, a animação se transformou em desânimo com a resposta de Coudet, que se pronunciou oficialmente sobre as tratativas em entrevista coletiva.

RESPOSTA DO TREINADOR

Ele não fechou a porta e manteve a possibilidade de trocar de clube, mas indicou que esse não é o momento de sair.

"Fui chamado, tinha uma proposta do Inter. Os dirigentes (do Racing) estavam informados antes de vocês (imprensa). O clube, por não ter treinador e ter jogos a disputar até o final da temporada, me procurou. Agradeci e disse que não era o momento para sair do clube, até pelos torcedores e jogadores. Como contou (o dirigente) Diego (Milito), nada mais", disse o comandante argentino na quinta-feira.

SEM ACORDO NO MOMENTO

No final do mesmo dia, após a vitória do Inter por 2 a 0 sobre o Avaí, na Ressacada, em Florianópolis, o diretor executivo Rodrigo Caetano se manifestou sobre as tratativas com o técnico do Racing.

Caetano confirmou a reunião com Coudet e seu representante e corroborou o discurso do argentino, dizendo que, por ora, não há acordo entre as partes.

"Realmente estivemos em Buenos Aires, tivemos uma reunião com o Coudet e seu agente. Aquilo que ele disse vale para nós. Nesse momento ele não pode, tem contrato. Gostou do projeto que apresentamos. Era uma intenção que viesse agora. Mas negou pelos compromissos com o Racing. Esse assunto se encerra aqui. O que vier depois é futurologia", pontuou o dirigente.

INTERINO NO COMANDO

Sem acordo com Coudet ou outro técnico, quem continua no comando da equipe colorada é o interino Ricardo Colbachini. Ao menos até o próximo domingo, quando o Inter enfrenta o Vasco, às 16 horas, no Beira-Rio, em duelo da 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Conseguimos vitória importante, nos recolocamos no G6. É valorizar o trabalho do Ricardo. É ele que segue de momento e para domingo. Temos nossos problemas para resolver aqui, que é buscar a vaga na Libertadores", ressaltou Caetano.