Série C: Guaratinguetá abandona Limeira e 'se muda' de vez para São Paulo

Com o Estádio Agostinho Prada interditado, a Garça do Vale vai mandar seus jogos no Nicolau Alayon, estádio do Nacional

por Agência Futebol Interior

Guaratinguetá, SP, 11 (AFI) - A saga do sem teto Guaratinguetá continua. Após passar metade da temporada mandando seus jogos no Estádio Agostinho Prada, em Limeira, o time retirante mudou de casa mais uma vez e agora sua ‘moradia’ provisória será o estádio Nicolau Alayon, do Nacional.

Jogar em São Paulo será até mais cômodo par a o time, já que é lá onde os jogadores treinam e ficam alojados. Isso porque o clube não é bem vindo em sua cidade de origem, abandonado pela torcida e pela imprensa, desiludidos pelos rumos que vem sendo tomados.

O time não poderá mais jogar em Limeira porque o estádio foi interditado pela Federação Paulista de Futebol. Em entrevista ao Portal Futebol Interior, Anivaldo Anjos, investidor do Independente-SP e responsável pela administração do Pradão, explicou a situação e se mostrou insatisfeito com a resolução.

O Guaratinguetá vai mandar seus jogos no Nicolau Alayon, onde já se encontrou com o Nacional pela Série A3. (Foto: Luciano Santoliv / ANAC)
O Guaratinguetá vai mandar seus jogos no Nicolau Alayon, onde já se encontrou com o Nacional pela Série A3. (Foto: Luciano Santoliv / ANAC)

“Recebi uma carta da Federação que não especifica os motivos da interdição. Pode ser que tenha sido por causa do gramado. Mas o Agostinho Prada sofreu com uma época de chuvas e além disso, tem muitos estádios em condições parecidas na Copa Paulista”, disse o empresário.

Muitos times que enfrentaram o Guaratinguetá durante a competição reclamaram das condições do gramado do Agostinho Prada. Por isso é forte a possibilidade dessa ter sido a razão da interdição.

O time do Vale do Paraíba não pode jogar no estádio Dário Leite Rodrigues, em Guaratinguetá, porque tem dívidas com a administração municipal. Agora, no Nicolau Alayon, terá quatro jogos como mandante válido pela Série C do Brasileiro. Na lanterna do grupo B, com apenas quatro somados, o time tem poucas chances de não ser rebaixado.

NÔMADE!
E não para por aí. Além do Nicolau Alayon, o Guaratinguetá vai usar o Estádio Frederico Dalmaso, casa do Sertãozinho, para receber o Botafogo no dia 21 de agosto, às 11h, pela 14ª rodada. Mudança comemorada pelo Pantera, já que Ribeirão Preto é muito próxima da cidade de Sertãozinho.

 
 
" />