Lateral, Erick vê Guarani abalado, mas promete volta por cima na Série B

O Bugre está na zona de rebaixamento da Segunda Divisão e há quatro jogos sem vencer

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 01 (AFI) - Na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro da Série B, o Guarani vem em baixa desde o retorno do futebol após paralisação por conta da pandemia do novo coronavírus. Desde então, o time bugrino caiu na Primeira Fase do Paulistão, trocou de treinador e já soma quatro jogos sem vitórias na competição. O lateral Erick admitiu que o time está abalado, mas prometeu dar volta por cima.

"O grupo é muito bom, fui bem recebido aqui, assim que cheguei já me senti em casa. É normal nessa situação que estamos a gente ficar um pouco abalado, porque não é normal o Guarani estar em uma situação dessa. Mas todos juntos vamos dar essa volta por cima e já começando a partir de sábado", falou o atleta.

O lateral deve fazer a sua estreia com a camisa do Guarani diante do América Mineiro, no próximo sábado, às 11h, na Arena Independência, pela 13ª rodada da Série B do Brasileirão.

"Só vim para trabalhar, esperar meu momento, e agora que apareceu, quero usar da melhor forma possível. Estou muito bem fisicamente. Antes de vir para o Guarani eu já estava treinando, estava em atividade, e só estou esperando a opção do professor para poder jogar", completou.

Erick falou sobre a situação do Guarani
Erick falou sobre a situação do Guarani
CARREIRA!
Ele ainda relembrou sobre sua carreira. "Apesar dos meus 27 anos, eu rodei muito, tanto em time pequeno quanto em time grande, mas o time que mais me destaquei mesmo, que eu apareci, foi o Bahia, em 2013, que foi o time que mais me marcou porque foi minha estreia no Brasileiro, então é o time que mais me marcou", finalizou.

Há quatro jogos sem vencer, o Guarani ocupa a 18ª colocação, com dez pontos, um a menos do que o Botafogo, primeiro fora da zona de rebaixamento.